Animais Onívoros


Lobo guará: exemplo de animal onívoro

Provavelmente você já sabe que animais carnívoros são aqueles que se alimentam predominantemente de tecidos animais e os herbívoros, de plantas ou de algas vivas, inteiras ou apenas algumas partes.

Entretanto, há animais que obtêm o alimento destas duas fontes (animal e vegetal) e, desta forma, são classificados como onívoros. Algumas espécies de ursos têm animais de pequeno porte, larvas, folhas e até mel como parte da dieta. O lobo guará também adota esse hábito sendo, inclusive, responsável pela dispersão das sementes de uma planta que, por este motivo, é popularmente conhecida por lobeira. Ema, jabuti, girino, porco, sagui, e algumas espécies de peixes, crustáceos e besouros, são outros exemplos.

O ser humano é considerado, também, onívoro, embora muitos acreditem que o hábito de comer carne está mais ligado a uma questão cultural, já que nosso sistema digestório é mais semelhante ao de herbívoros (capacidade estomacal menor e acidez maior; intestino longo, dentes caninos de tamanho menor, saliva com enzimas digestivas, dentre outras características). Entretanto, sabe-se também, por exemplo, que a variedade da flora intestinal de nossa espécie é semelhante à de onívoros, mesmo no caso de pessoas vegetarianas (aquelas que não se alimentam de carne).

Onívoros possuem músculos faciais reduzidos; dentes incisivos curtos, caninos longos e curvos, e molares agudos ou chatos; geralmente engolem a comida por inteiro; não possuem enzimas digestivas na saliva; o pH estomacal é menor ou igual a 1; o intestino delgado é curto; a urina é bastante concentrada e as unhas são afiadas.