Resultados 1 a 2 de 2

Tópico: O que é a Ciência?

  1. #1
    Woman
    Data de Ingresso
    Nov 2006
    Localização
    Guimarães
    Idade
    22
    Posts
    2.237

    Padrão Ciência

    Ciência refere-se tanto a:

    * Investigação racional ou estudo da natureza, direccionado à descoberta da verdade. Tal investigação é normalmente metódica, ou de acordo com o método científico– um processo de avaliar o conhecimento empírico;
    * O corpo organizado de conhecimento adquirido por tal pesquisa.

    A Ciência é o conhecimento ou um sistema de conhecimentos que abarca verdades gerais ou a operação de leis gerais especialmente obtidas e testadas através do método científico. O conhecimento científico depende muito da lógica.

    As áreas da ciência podem ser classificadas em duas grandes dimensões:

    * Pura (o desenvolvimento de teorias) versus Aplicada (a aplicação de teorias às necessidades humanas); ou
    * Natural (o estudo do mundo natural) versus Social (o estudo do comportamento humano e da sociedade).

    Menos formalmente, a palavra ciência geralmente abrange qualquer campo sistemático de estudo ou o conhecimento obtido desse. Esse artigo concentra-se na definição mais específica.
    Quando a amizade é sincera
    o esquecimento é impossível!

  2. #2
    Banido
    Data de Ingresso
    Sep 2006
    Localização
    No sitio certo!
    Idade
    55
    Posts
    0

    Padrão O que é a Ciência?

    Existem duas teorias básicas no que respeita à definição do termo ciência:
    Empirismo
    De acordo com o empirismo, as teorias científicas são objetivas, empiricamente testáveis e preditivas — elas predizem resultados empíricos que podem ser verificados e possivelmente contrariados.

    Mesmo na tradição empírica, há que criar o devido cuidado para compreender que "predição" refere-se ao surgimento de uma experiência ou estudo, mais do que literalmente predizer o futuro. Por exemplo, dizer "um paleontólogo pode fazer predições a respeito do achado de um determinado tipo de dinossauro" é consistente com o uso empírico da predição. Por outro lado, as ciências como a geologia ou meteorologia não precisam ser capazes de fazer predições acuradas sobre terremotos ou sobre o clima para serem qualificadas como ciência. O filósofo empírico, Karl Popper também argumentou que determinada verificação é impossível e que a hipótese científica pode ser apenas falsificada (falsificação).

    O Positivismo, uma forma de empirismo, defende a utilização da ciência, tal como é definida pelo empirismo, a fim de governar as relações humanas. Em conseqüência à sua afiliação próxima, os termos "positivismo" e "empirismo" são geralmente usados intercambialmente. Ambos têm sido objetos de críticas, tais como:

    Realismo científico
    Em contraste, o realismo científico define ciência em termos da ontologia: a ciência esforça-se em identificar fenômenos e entidades no meio, os seus poderes causais, os mecanismos através dos quais eles exercem esses poderes e as fontes de tais poderes em termos da estrutura das coisas ou natureza interna.

    W. V. Quine demonstrou a impossiblidade de existir uma linguagem de observação independente da teoria, o que torna o conceito de testar teorias com factos num problema.
    As observações são sempre carregadas de teorias. Thomas Kuhn argumentou que a ciência sempre envolve "paradigmas," grupos de regras, práticas e premissas (geralmente sem corpo) e tais transições, de um paradigma para outro, geralmente não envolvem verificação ou falsificação de teorias científicas. Além disso, ele argumentou que a ciência não procedeu historicamente com a acumulação constante de fatos, como o modelo empirista expressa.
    Última edição por jamila; 01-02-2007 às 22:34.

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •