A Portucel vai propor na assembleia geral de accionistas o pagamento de um dividendo de 8,25 cêntimos por acção, o que representa uma queda de 21,4% face à remuneração do ano passado, em linha com a descida observada nos lucros.

De acordo com a proposta de aplicação dos resultados de 2009, a apresentar na AG que decorrerá a 15 de Março, a Portucel propõe destinar para distribuição de dividendos um total de 63,3 milhões de euros, o que corresponde uma remuneração de 8,25 cêntimos por acção.

No ano passado, referente ao exercício de 2008, a Portucel pagou um total de 80,58 milhões de euros aos accionistas, o que representou 10,5 cêntimos por cada acção.

Em 2009 a Portucel obteve lucros de 105,1 milhões de euros, menos 19,8% do que no exercício passado. Deste modo, apesar de baixar o valor do dividendo, a Portucel mantém o “payout” nos mesmos níveis, dado que irá distribuir aos accionistas 60% dos resultados líquidos obtidos.

As acções da Portucel seguem hoje em alta de 1,09% para 1,86 euros, pelo que o dividendo proposto representa uma rentabilidade de 4,4%.

Os analistas do BPI consideram que a proposta da Portucel é positiva, pois aguardavam um “payout” inferior, de 40%, a que corresponderia um dividendo de 5,2 cêntimos.


Fonte: Jornal de Negócios