O Atlético Madrid segue em vantagem ao bater o Valência por 4-2, em jogo referente à primeira mão das meias-finais para a Liga Europa.

Os colchoneros, sempre dominante durante toda a partida, contou mais uma vez com Falcao a fazer diferença com dois golos no encontro, enquanto Miranda e Adrián apontaram os seguintes.

Foi o avançado colombiano que a inaugurou o marcador no Vicente Calderón à passagem dos 18 minutos, com um cabeceamento direto para o fundo das redes do guarda-redes Diego Alves, após um passe de Ardan Turan.

O empate chegou ao cair do pano através do avançado Jonas, que só precisou de encostar após a marcação de canto de Rami.

Ao sair empatados para o período de descanso, a vantagem colchonera só começou a ser construída a partir dos 48 minutos. O brasileiro Miranda superou o guardião Diego Alves, mais uma vez com um cabeceamento e aos 54 minutos, Adrián supera em velocidade toda a defesa do Valência e chega ao 3-1.

A explosão de alegria veio com o bisar de Falcao, com aquele que foi sem dúvida o lance da partida, mas a formação colchonera não conseguiu segurar a vantagem de dois golos e o português Ricardo Costa apareceu na última jogada da partida, para deixar uma réstia de esperança ao Valência. Estava feito o segundo golo para a formação orientada por Emery.

Fica assim, apesar da franca vantagem do Atlético, muito em aberto para a segunda mão das meias-finais da Liga Europa, disputado em Valência, na próxima quinta (26 de abril).


Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         111.png
Visualizações:	9
Tamanho: 	2,9 KB
ID:      	100282