As sub-regiões com melhores médias nas provas de Português do secundário em 2011 estão no Norte e no Centro, enquanto os piores resultados predominam no Sul e nas ilhas, segundo o relatório hoje divulgado pelo Gabinete de Avaliação Educacional (Gave).As sub-regiões do Cávado, Grande Porto, Baixo Mondego e Dão-Lafões lideram a lista das melhores médias, com 10,3 valores.
Segue-se a Lezíria do Tejo com 10,2, surgindo depois um conjunto de quatro sub-regiões, com 10,1 valores: Minho-Lima, Entre Douro e Vouga, Beira Interior Sul e Médio Tejo.
Todas as outras 21 sub-regiões e regiões autónomas (a maioria das 30 que compõem o país) tiveram menos de 10 valores - entre as quais a Grande Lisboa, com 9,6.
As piores médias nas provas do ensino secundário de Português em 2011 foram registadas na Região Autónoma da Madeira (8,8), Região Autónoma dos Açores (8,7), Pinhal Interior Sul (8,7) e Alto Alentejo (8,6).
O GAVE publicou médias de sub-regiões NUTS III (nomenclatura das unidades territoriais estatísticas de nível 03, que divide o país em 30 unidades) relativas às provas do ensino secundário de Português com base nos resultados de alunos internos na primeira chamada dos exames.

Fonte: Lusa/SOL