Jogam pelo menos seis crianças, que se unem pelas mãos, palma com palma, em círculo. No meio do círculo fica uma criança, escolhida previamente.

Uma das crianças da roda inicia a mensagem, apertando a mão da criança à sua direita, de forma discreta. Esta, aperta a mão à sua direita e assim sucessivamente, passando a mensagem. A criança que está no meio tenta adivinhar onde vai a mensagem e, se o conseguir, troca de lugar com aquela que não conseguiu disfarçar o seu aperto de mão.

No início do jogo, a criança que está no meio tem os olhos fechados e quem inicia o jogo grita: “começou”, para que a que está no centro tenha a noção donde partiu o sinal. Quando a mensagem regressa àquela que a iniciou, esta avisa: “já chegou” e o jogo recomeça, normalmente, com a mesma criança no meio.