Um padre aficionado em ornitologia tinha doze pássaros.
Todos os dias os soltava para que voassem e eles sempre voltavam
às suas gaiolas.
Porém um dia só regressaram onze, e o sacerdote, decidido,
perguntou na missa principal do domingo:
Quem tem um passarinho?
Todos os homens se levantaram.
Não, não me expliquei bem. Quem viu um passarinho?
Todas as mulheres se levantaram.
Não, não! O que quero dizer é : quem viu meu passarinho?
Todas as freiras se levantaram…