O Challenge Bibendum 2007 realiza-se em Xangai, de 14 a 17 de Novembro.

Conheça alguns dos 100 modelos apresentados.
A iniciativa, criada pela Michelin em 1998, visa aproximar fabricantes automóveis, parceiros tecnológicos, cientistas e entidades públicas para desenvolverem conjuntamente ferramentas para automóveis mais eficientes, mais seguros e limpos. A edição deste ano tem concursos de design e provas e testes para aferir quais as tendências a seguir neste meio. A escolha de Xangai para anfitriã não foi inocente: a organização quer sensibilizar economias com crescimentos explosivos, como a Índia ou a China, para o imperativo desenvolvimento sustentável e ecológico.

A proposta da PSA Peugeot Citroën para o Challenge Bibendum deste ano é o Peugeot 307 Hybrid HDi, um modelo que emite 74g de dióxido de carbono por quilómetro e que usa combustível B30 (diesel com 30% de biodiesel). Este modelo tem um motor de 1.6litros HDi com filtro DPFS e um motor eléctrico, com bateria de alta voltagem. A caixa de transmissão é manual e controlada electronicamente, tendo também um sistema Stop&Start. Desta forma, este carro combina a potência para conduzir em auto-estrada e a eficiência eléctrica para o trânsito urbano do pára-arranca.
A PSA aplicou esta abordagem também ao Citroën C-Métisse, um Hybrid HDi concept car, com motor eléctrico traseiro.
Ainda nos híbridos, o Smart Hybrid, com 61 CV e motor de 4.3litros a gasolina é a aposta ecológica da Daimler Chrysler. Os modelos chineses da Qingyuan EV e SAIC são outros modelos neste segmento.
A Opel leva o Opel Corsa 1.3 CDTI ecoFLEX, com o mais pequeno turbodiesel common-rail de quatro cilindros do mercado, com 119g de dióxido de carbono emitidos por quilómetro. Também o Zafira 1.6 CNG marcará presença, alimentado por gás natural comprimido, gasolina ou qualquer mistura destes dois combustíveis.

A Ford traz o futurista Edge HySeries Concept a Xangai, alimentado a baterias de iões de lítio, dois motores eléctricos e hidrogénio comprimido. Este modelo recarrega-se a si mesmo, graças ao tanque de hidrogénio instalado.
A Mercedes traz o concept F600 Hygenius movido a células de combustível, de 2.9 litros, 115 CV e debitando 350Nm
Nos veículos movidos a células de combustível, o Chevrolet Equinox, o Nissan X-Trail, duas soluções do Hyundai Tucson, duas demonstrações do Centro de Pesquisa da Michelin e protótipos da Universidade Tongji e SAIC são algumas das apostas para o Bibendum 2007.

Com a eficiência tecnológica e a redução das emissões de CO2, a Audi, a VW e a Renault também estão presentes no evento. Um protótipo do A5, com opções de energia diferentes é a proposta da Audi. A VW vai mostrar soluções que utilizem combustível sintético.
A Renault leva o Logan com a chancela Eco2, para modelos ecológicos. 95% da massa do carro é reciclável e 8,3% são de material plástico. O motor 1.5 dCi, com 85 CV, é compatível com o combustível B30 e emite apenas 97g/km de CO2.

10_1_132

Fonte: Turboonline