1. #1

    Registo
    Sep 2007
    Idade
    44
    Posts
    3.920

    Padrão 4º Passeio TT “Terras Megalíticas” - 15 de Março

    4º Passeio TT “Terras Megalíticas” - 15 de Março



    Este 4º passeio, organizado pelos Bombeiros Voluntários de Castelo de Vide, vai decorrer na Serra de S. Mamede.

    Este 4º passeio vai decorrer, como os anteriores, no concelho de Castelo de Vide e em parte dos concelhos vizinhos, integrados na Serra de S. Mamede.

    Conjugados com as belas paisagens desta região, os trilhos, alternando entre rápidos e sinuosos, levarão os participantes a conhecer esta zona serrana.

    Programa:
    - Concentração junto ao quartel dos Bombeiros ás 7.30h
    - Início do 1º sector ás 8.30h
    - Pequeno-almoço ás 9.30h
    - Almoço ás 13.00h
    - Início do 2º sector ás 15.00h
    - Lanche / jantar ás 18.00h

    Contactos:
    Telef. - 245901444
    Telm. - 962020744
    e-mail - [email protected]

    As inscrições são abertas a "Jipes" e Motos de 2 e 4 rodas, sendo limitadas no número.

    Grau de dificuldade: baixo (são necessários pneus de tracção, caso o S. Pedro ajude)

    As receitas serão aplicadas na aquisição de diverso material de combate a incêndio.

  2. #2

    Registo
    Sep 2007
    Idade
    44
    Posts
    3.920

    Padrão Passeio TT agita Castelo de Vide



    A quarta edição do Passeio TT juntou em Castelo de Vide, no último Sábado, várias dezenas de pessoas. Organizado pelos Bombeiros Voluntários da vila, o evento contou com o apoio de várias entidades locais.

    Pelo quarto ano consecutivo, realizou-se o Passeio TT Terras Megalíticas. A organi-zação ficou a cargo do comando dos Bombeiros Voluntários de Castelo de Vide (BVCV) e contou com o apoio da Câmara Municipal, Juntas de Freguesia e Santa Casa da Misericórdia locais.

    Às 8h00 já os participantes estavam reunidos junto ao edifício dos BVCV. Depois de um café e alguma conversa, os cerca de 70 carros e motos partiram para desfrutar dos terrenos da vila alentejana.



    Entre montanha, planície e terrenos áridos, foram 86 quilómetros de convívio e animação que fizeram a quarta edição de uma iniciativa que começa já a ganhar alguma projecção junto dos amantes do todo-o-terreno.

    Exceptuando a pausa para o almoço, foi durante todo o dia que os pilotos andaram por Castelo de Vide e por áreas circundantes daquele concelho.

    Não sendo uma competição, a prova ficou especialmente marcada pela camaradagem. Sempre que um carro ficava atascado, vários participantes paravam para ajudar aquele que "estavam em apuros". E assim foi ao longo de todo o passeio, esperando uns pelos outros, sem pressas e com muitos risos à mistura.



    No final do dia, a zona que habitualmente serve de garagem para os veículos dos BVCV transformou-se numa sala de jantar gigante para todos os que fizeram parte da iniciativa. Com muitas histórias para contar, os pilotos juntaram-se para saborear uma refeição confeccionada pelo Restaurante Miradouro, ao mesmo tempo em que eram projectadas num grande ecrã centenas de fotografias que ficaram para registar o dia.

    Apesar de não haver competição nesta prova, alguns estabelecimentos quiseram fazer parte do evento, neste caso oferecendo fins-de-semana ou refeições. No total, foram sorteados entre os participantes cinco prémios.




    Foi durante o jantar que tentámos saber um pouco mais sobre este passeio. Visivelmente satisfeito, o segundo comandante dos BVCV José Costa Pinto explicou ao nosso jornal como tudo começou. "A ideia surgiu no início com um apoio da câmara e, de há quatro anos para cá, tem sido um grupo de bombeiros amantes desta prática desportiva que se organiza e faz este evento. É uma forma de confraternização e, também, de projectar a nossa terra. Temos aqui pessoas de outras zonas do País que vieram porque ouviram falar deste passeio", contou o responsável.

    Para o segundo comandante, não há dúvida que a quarta edição do Passeio TT correu pelo melhor. Com cerca de 70 veículos, a prova deste ano levou a Castelo de Vide mais pessoas que nos anos anteriores, o que tornou esta iniciativa um êxito. Nas palavras de José Costa Pinto, este género de actividades "é interessante, também, para mostrarmos que os bombeiros não servem só para quando há desgraças, também podemos fazer coisas boas".




    Fazendo um balanço positivo do passeio, o responsável acredita que a prova de Castelo de Vide possa vir a ter uma importante projecção no futuro, pois, tal como nos disse, "temos participantes fiéis que vêm ao passeio desde a primeira edição mas também temos sempre caras novas, pessoas que ouvem falar desta iniciativa e se juntam a nós".

    O segundo comandante salientou, ainda, os aspectos que fazem do Passeio TT Terras Megalíticas uma prova especial, distinta da maioria dos eventos de todo-o-terreno. "É um passeio que se torna característico porque envolve várias coisas, que não apenas o passeio em si. É o convívio, a gastronomia local, o turismo", disse.

    Além disso, e não menos importante, é o lado didáctico que esteve patente na iniciativa, mais precisamente no que à preservação do ambiente diz respeito. Se havia paragens para pequenos lanches, antes de se meterem novamente ao caminho os participantes recolhiam todo o lixo.

    Quanto à continuidade do Passeio TT, por parte do comando dos bombeiros a ideia está em "continuar a apostar neste projecto e melhorá-lo. Temos em mente passar a fazer duas edições por ano", conclui o segundo comandante.

    De salientar que, uma vez que as inscrições foram pagas, as receitas do passeio serão aplicadas na aquisição de material para os BVCV.

    Jornal Fonte Nova

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •  

Conectar

Conectar