Página 86 de 92 Primeiro ... 367685 86 87 ... Último
  1. #1276
    Avatar de Dot@com
    Registo
    Sep 2006
    Idade
    58
    Posts
    1.038

    Pedro Meireles: “Vamos ter de entrar ao ataque desde o primeiro quilómetro”

    Um dos locais mais emblemáticos dos ralis em Portugal recebe a quarta prova do Campeonato Nacional de ralis nos próximos dias 25 e 26 de Maio. O Team JMC / Galp Fórmula estará presente na prova, naquela que será a terceira participação de Pedro Meireles e Mário Castro em 2012 e mais uma vez encara este rali com bastante otimismo e vontade de obter um bom resultado final.



    Após a desistência prematura no rali do Targa Clube, Pedro Meireles sabe que “ em Fafe tudo terá de correr de feição á equipa para que possamos continuar a lutar pelo título absoluto. No último rali perdemos uma grande oportunidade de dar continuidade ao bom resultado alcançado no rali de Portugal e aqui uma vitória seria o ideal, mas existem pilotos com os mesmos objetivos e por isso teremos de estar bastante concentrados”.

    Num rali em que todos os pilotos conhecem muito bem as classificativas e se sentem mais motivados que em qualquer outro, “vamos ter de entrar ao ataque desde o primeiro quilometro e não cometer nenhum erro pois com o ritmo adotado por todos, qualquer pequeno erro será fatal. Não estamos obcecados pela vitória mas também sabemos que terminar o rali abaixo do segundo posto será muito penalizante para as nossas aspirações”, saliente o piloto vimaranense.

    Numa altura em que ainda não é conhecida a lista de inscritos oficial, “ é muito provável que seremos o primeiro carro na estrada e isso é sempre um factor penalizador neste piso bastante característico das estradas das Serras de Fafe, mas vamos tentar acompanhar os nossos adversários nas primeiras passagens por cada uma das especiais e depois tentar ser os melhores nas segundas passagens” acrescenta Mário Castro que acompanhará Meireles pela 32ª vez na carreira. O rali irá para a estrada às 9:30h do dia 26, cumprindo 98km de especiais divididos por 8 classificativas.



    in: autosport
    todos os dias aprendo algo

    NÃO SE ESQUEÇAM DE SER FELIZES

  2. #1277
    Avatar de Dot@com
    Registo
    Sep 2006
    Idade
    58
    Posts
    1.038


    Fafe: Pedro Peres vence pela primeira vez



    Pedro Peres, navegado por Tiago Ferreira, conseguiu hoje em Fafe o primeiro triunfo da sua carreira no Campeonato de Portugal de Ralis.

    A esperada luta com Pedro Meireles não chegou a acontecer, pois logo no primeiro troço do rali Serras de Fafe, com piso escorregadio e nevoeiro, o piloto vimaranense colocou um ponto final na sua prova com uma saída de estrada.

    A partir daí Peres apenas teve de se concentrar em controlar a sua liderança, frente a um Miguel Barbosa que voltou a mostrar maturidade para assegurar o 2º lugar final. O jovem piloto de Famalicão não teve dificuldades em segurar a posição, pois estava isolado.


    Ivo Nogueira completou o pódio do rali vencendo o CPR2. O piloto do Citroen DS3 R3T passou o rali todo a controlar a sua posição, já que Paulo Neto nuna se revelou uma série ameaça. Na fase inicial do rali Renato Pita ficou de fora devido a saída de estrada. Pedro Leal foi o 5º e 3º do CPR num desactualizado Peugeot 206 GTI a mostrar que quem sabe não esquece.


    Na Taça de Portugal de Ralis Vitor Pascoal / Luis Ramalho venceram sem grandes dificuldades com o Mitsubishi Lancer Evo VII. Pascoal somou ainda o triunfo no Regional de Ralis do Nordeste. Luis Mota foi o 2º com o Lancer Evo IV. Armindo Neves e Carlos Fernandes tiveram de desistir quando ocupavam lugares no pódio, ficando Hélder Miranda num Seat Ibiza com o 3º lugar absoluto na Taça.

    Foi um rali com poucos inscritos, com pouco publico, e muito dificil de seguir graças a um sistema de tempos na internet que poucas vezes funcionou bem. No fundo, um excelente espelho de como estão os ralis em Portugal.

    Classificação final (CPR):
    1º Pedro Peres / Tiago Ferreira – Mitsubishi Lancer Evo IX - 1h13m03,6s
    2º Miguel Barbosa / Justino Reis – Mitsubishi Lancer Evo IX - a 1m15,8s
    3º Ivo Nogueira / Nuno R. Silva – Citroen DS3 R3T - a 4m31,4s
    4º Paulo Neto / Paulo Fiuza – Citroen DS3 R3T - a 6m29,5s
    5º Pedro Leal / Redwan Cassamo – Peugeot 206 GTi - a 8m50,7s
    6º Armando Oliveira / Alexandre Rodrigues – Citroen C2 R2 Max - a 10m19,7s
    7º João F. Ramos / José Janela – Mitsubishi Lancer Evo X - a 10m53,3s
    8ª Ricardo Marques / Paulo Marques – Citroen C2 R2 Max - a 11m38,7s
    9º Pedro Matias / Sérgio Rocha – Fiat Punto HGT - a 13m01,9s



    in: sportmotores
    todos os dias aprendo algo

    NÃO SE ESQUEÇAM DE SER FELIZES

  3. #1278
    Avatar de Dot@com
    Registo
    Sep 2006
    Idade
    58
    Posts
    1.038

    Fafe: Jorge Ribeiro venceu entre os Fastbarvo


    Jorge Ribeiro venceu o Rali Serras de Fafe 2012, prova organizada pela Demoporto e solidifica a liderança no troféu Fastbravo.

    O piloto de Penafiel mostrou consistência, mas ainda teve alguma oposição por parte de dois pilotos que também venceram especiais cronometradas, Cristiano Queiroga e Hugo Queirós.

    Já com Rui Garcia fora de prova com problemas de motor na primeira especial, Queiroga ainda vence o troço inaugural, mas desiste na segunda, com o mesmo problema.

    Hugo Queirós foi o segundo classificado, depois de uma luta interessante com Hélio Abreu, que viria a ficar fora de prova por despiste sem consequências físicas.

    Herculano Antas preencheu com tranquilidade o lugar mais baixo do podium, na frente de Gonçalo Dias e do estreante João Pedro Pais.

    A próxima prova está agendada para dia 22 e 23 de Junho no Rali de Monção, voltando o troféu aos pisos de asfalto.

    Classificação na Prova:
    1º Jorge Ribeiro / Pedro Moura
    2º Hugo Queirós / Daniel Pereira
    3º Herculano Antas / Luís Silva
    4º Gonçalo Dias / Fábio Ribeiro
    5º João Pais / Francisco Cabral


    in: sportmotores
    todos os dias aprendo algo

    NÃO SE ESQUEÇAM DE SER FELIZES

  4. #1279
    Avatar de Dot@com
    Registo
    Sep 2006
    Idade
    58
    Posts
    1.038

    Acrópole: Armindo desiste e lamenta a fraqueza do Mini


    Armindo Araújo terminou mais cedo, que o esperado, o terceiro do Rali da Grécia após a quebra de um braço da direcção na décima quinta especial de classificação. A dureza das estradas gregas causaram bastantes problemas nas mecânicas dos carros de vários pilotos do Campeonato do Mundo de Ralis e a dupla portuguesa acabou por não conseguir passar incólume a essa situação.

    Após o abandono, neste terceiro dia de prova, Armindo Araújo não escondia a desilusão de ter sido obrigado a interromper o seu trabalho na prova grega. “Tentamos desde o início do rali poupar ao máximo a mecânica do Mini pois sabíamos que a dureza das estradas poderia trazer problemas. Mesmo com um ritmo cauteloso, começamos a sentir uma vibração forte no início da décima quinta especial e poucos quilómetros depois fomos obrigados a parar. Percebi que era um problema num braço da direcção do lado esquerdo e não podíamos continuar. A fiabilidade do Mini neste tipo de condições ainda está longe do ideal e teremos que continuar a trabalhar este factor”, começou por dizer o piloto português.

    Ao abrigo do sistema “Rali 2”, Armindo Araújo e Miguel Ramalho deverão regressar, amanhã, à competição. “Só quando regressarmos à assistência poderemos perceber se este problema é facilmente resolúvel e só depois saberemos se voltaremos ao rali. Tudo aponta para que isso aconteça”, afirmou ainda o tirsense.


    in: sportmotores
    todos os dias aprendo algo

    NÃO SE ESQUEÇAM DE SER FELIZES

  5. #1280
    Avatar de Dot@com
    Registo
    Sep 2006
    Idade
    58
    Posts
    1.038

    Acrópole: Loeb soma mais um triunfo


    Sebastien Loeb somou mais um triunfo em mais um rali perfeito bem ao seu estilo. Enquanto os adversários sofriam problemas e consequências dos seus excessos, o francês rodava ao seu ritmo rumo a mais um triunfo, o quarto esta temporada.

    Esperava-se uma luta de Petter Solberg com Loeb na derradeira etapa, mas logo no primeiro troço do dia o norueguês deu um toque e arrancou uma roda do Fiesta, deitando por terra a chance de um final de prova emocionante. Com isto Loeb ficou isolado na frente e apenas com a tarefa de cumprir o percurso até ao final. O francês somou ainda os pontos da vitória na "powerstage"

    Desta forma Mikko Hirvonen foi promovido ao 2º posto e proporcionou mais uma dobradinha à Citroen. A Ford teve de se contentar com o 3º lugar de Jari-Matti Latvala, saindo da Grécia com mais um resultado pouco satisfatório.

    Masds Ostberg e Martin Prokop foram os melhores dos privados, integrando um "top ten" que se foi ajustando ao sabor das desistências. Armindo Araujo regressou à prova no dia de hoje para terminar no 11º lugar da geral. No PWRC Nicolas Fuchs viu a suspensão do seu Subaru partir-se na derradeira etapa, acabando Valeriy Gorban por levar o Lancer Evo IX ao triunfo.

    Classificação final:
    1º Sebastien Loeb / Daniel Elena - Citroen DS3 WRC - 4h42m03,3s
    2º Mikko Hirvonen / Jarno Lehtinen - Citroen DS3 WRC - a 40,9s
    3º Jari-Matti Latvala / Mika Anttila - Ford Fiesta WRC - a 3m04,8s
    4º Mads Ostberg / Jonnas Andersson - Ford Fiesta WRC - a 6m16,4s
    5º Martin Prokop / Zdenek Hruza - Ford Fiesta WRC - a 7m46,5s
    6º Thierry Neuville / Nicolas Gilsoul - Citroen DS3 WRC - a 9m41,4s
    7º Sebastien Ogier / Julien Ingrassia - Skoda Fabia S2000 - 12m59,9s
    8º Yazeed Al-Rajhi / Michael Orr - Ford Fiesta RRC - a 20m12,2s
    Ott Tanak / Kundar Sikk - Ford Fiesta WRC - a 23m18,9s
    10º Abdulaziz Al-Kuwari / Nicola Arena - Mini JCW WRC - a 28m40,5s
    (…)

    Classificações dos campeonatos:

    Pilotos:
    1º Sebastien Loeb - 119
    2º Mikko Hirvonen - 89
    3º Mads Ostberg - 80
    4º Petter Solberg - 73
    5º Jari-Matti Latvala - 45
    (…)

    Construtores:
    1º Citroen Total WRT - 194
    2º Ford WRT - 121
    3º M-Sport Ford WRT - 91
    (…)



    in: sportmotores
    todos os dias aprendo algo

    NÃO SE ESQUEÇAM DE SER FELIZES

  6. #1281
    Avatar de Dot@com
    Registo
    Sep 2006
    Idade
    58
    Posts
    1.038

    Acrópole: Armindo teve o resultado possível


    Depois do problema de ontem e dos minutos perdidos por não terem realizado três especiais (5 minutos de penalização em cada), Armindo Araújo e Miguel Ramalho regressaram ao derradeiro dia de prova e terminaram o Rali da Grécia na décima primeiro posição da classificação geral.

    Sem possibilidade de recuperar a desvantagem para os adversários que o precediam na classificação, e com apenas com apenas cinco especiais, o piloto português realizou uma secção tranquila e levou sem problemas o Mini John Cooper Works até ao pódio final. “No dia de hoje pouco ou nada podíamos fazer para subir lugares na classificação e fizemos as especiais com intuito de chegar ao final. Terminamos muito próximo dos pontos mas acabamos por não conseguir chegar ao nosso objectivo já que, ontem, essa tarefa ficou praticamente comprometida”, começou por dizer o piloto de Santo Tirso.

    Em jeito de balanço final, Armindo Araújo classifica o desfecho da prova grega como “o possível perante todas as dificuldades”, mostrando-se ciente que “o Mini ainda não consegue ser competitivo em ralis com condições tão duras e este é um aspecto que terá de ser trabalhado intensamente para o futuro. O nosso ritmo foi sempre imposto a pensar na necessidade de poupar ao máximo a mecânica mas, anda assim, acabamos por ser vítimas de um problema. Foi um rali extremamente difícil e se não foi a mais positiva em termos de resultado foi, no entanto, importante para a evolução do Mini em condições tão exigentes como estas”, disse ainda o piloto português.

    Armindo Araújo e Miguel Ramalho regressam à competição no Campeonato do Mundo de Ralis no próximo dia 22 de Junho quando for dada a partida para a edição 2012 do Rali da Nova Zelândia.



    in: sportmotores
    todos os dias aprendo algo

    NÃO SE ESQUEÇAM DE SER FELIZES

  7. #1282
    Avatar de Dot@com
    Registo
    Sep 2006
    Idade
    58
    Posts
    1.038

    Juho Hanninen reforça liderança no Europeu

    Juho Hanninen está agora mais isolado na liderança do Europeu de Ralis após a vitória no Rali da Croácia, terceira prova daquele campeonato.



    O finlandês da Skoda esteve sempre no comando duma prova em que venceu 13 das 16 classificativas do programa e, apesar do ritmo contido, não deu quaisquer hipóteses aos seus adversários. A 25,2s do líder, Hermann Gassner foi o segundo classificado na frente de Luca Betti que registou alguns problemas no seu Peugeot 207 S2000 e ficou a quase dois minutos e meio do vencedor.

    Michal Solowow (Peugeot 207 S2000) e Juraj Sebalj (Mitsubishi Lancer Evo IX) ocuparam as posições imediatas beneficiando dos abandonos de Antonin Tlustak e Rok Turk que viu o Peugeot utilizado nesta tirada consumido pelas chamas. A desistência dalguns outros favoritos locais proporcionou o brilharete dalguns pilotos com carros de duas rodas motrizes.

    Classificação:
    1 Juho Hanninen/Mikko Markkula (Skoda Fabia S2000), 2.17.21,8
    2 Hermann Gassner/Klaus Wicha (Skoda Fabia S2000), + 00.25,2
    3 Luca Betti/Maurizio Barone (Peugeot 207 S2000) + 02.27,8
    4 Michal Solowow/Maciej Baran (Peugeot 207 S2000) + 05.54,1
    5 Juarj Sebalj/Toni Klinc (Mitsubishi Lancer Evo IX) + 06.25,5
    6 Francesco Parli/Tania Canton (Citroën DS3 R3T), + 12.45,3
    7 Rajko Zakelj/Blaz Selan (Mitsubishi Lancer Evo IX), + 13.12,3
    8 Viliam Prodan/Zdravko Drazenovic (Citroën C2 R2 Max), + 16.51,9
    9 Davor Mihelic/Mateo Butorac (Citroën C2 R2 Max), + 18.39,3
    10 Marinko Stanic//Goran Glad (Honda Civic Type-R), + 23.52,4



    in: autosport
    todos os dias aprendo algo

    NÃO SE ESQUEÇAM DE SER FELIZES

  8. #1283
    Avatar de Dot@com
    Registo
    Sep 2006
    Idade
    58
    Posts
    1.038

    FIA ‘descontente’ com ralis da Grã-Bretanha e Itália

    O presidente da Comissão de Ralis da FIA, Jarmo Mahonen revelou que a FIA não está contente com alguns aspectos de diversas provas tradicionais do WRC. Na linha de fogo estão os ralis da Grã-Bretanha e Itália, devido à parca quantidade de espectadores que assistem aos eventos.



    No caso inglês a FIA sugeriu que os ingleses estendessem o evento ao invés do manterem centrado, o que não foi aceite, devido aos custos inerentes, o que a FIA aceitou. No caso italiano, a FIA tinha a promessa que o evento do ano passado seria o último na Sardenha, mas a tentativa de passar para a Sicília não resultou.

    Relativamente a Portugal, já se sabe, Mahonen revelou que Portugal tem um excelente rali, mas no sítio errado: “A FIA quer o evento novamente no norte e os organizadores já disseram que estão prontos para sair do Algarve.” Só que, como Pedro de Almeida revelou ao Autosport, a complexidade dessa situação não se resolve com facilidade, apesar do ACP saber que rali pode fazer no norte, a sua concretização requer muito mais que simples vontade da FIA.



    in: autosport
    todos os dias aprendo algo

    NÃO SE ESQUEÇAM DE SER FELIZES

  9. #1284
    Avatar de Dot@com
    Registo
    Sep 2006
    Idade
    58
    Posts
    1.038


    Chris Atkinson vence em Queensland

    O antigo piloto do WRC, Chris Atkinson, em Skoda Fabia S2000, obteve a sua primeira grande vitória ‘caseira’ no Rali de Queensland, prova do campeonato FIA Ásia Pacífico. O piloto australiano terminou com quase quatro minutos de vantagem sobre o Proton de Alister McRae, que teve problemas de motor, mantendo-se no entanto na frente do veterano Brian Green, terceiro classificado. Per-Gunnar Andersson, no segundo Proton, atrasou-se cedo com problemas mecânicos. Com este resultado, Atkinson está muito bem lançado para a vitória na competição, pois a meio do campeonato detém já uma vantagem considerável sobre o segundo classificado




    in: autosport
    todos os dias aprendo algo

    NÃO SE ESQUEÇAM DE SER FELIZES

  10. #1285
    Avatar de mirror
    Registo
    Mar 2007
    Idade
    58
    Posts
    23.549

    Padrão É desta que a Hyundai regressa ao WRC?

    Ciclicamente, o assunto ressurge, mas desta feita há detalhes que aumentam a quantidade de 'fumo'. De acordo com a revista alemã “Auto Motor und Sport”, a Hyundai está a preparar-se para regressar ao WRC, com um i20 WRC. Segundo rezam as crónicas, fornecedores vários confirmaram à revista alemã que receberam encomendas de peças, e que o protótipo deverá estar numa fase adiantada de construção.



    A passagem da marca coreana pelo WRC entre 2000 e 2003 não foi muito frutuosa, saldando-se apenas por dois quartos lugares, um em 2000 outro no ano seguinte e oito vitórias em especiais. Problemas entre a MSD, que colocava os carros a correr, e os coreanos, levaram ao final do projeto, cujos contornos atuais são desconhecidos para já.

    Portanto, resta esperar que os planos avancem, pois existem várias possibilidades, mas dados concretos não são muitos. A Citroen, Ford e Volkswagen estão confirmadas para 2013, desde que não exista nenhum 'terramoto', quando à MINI só no final do verão se saberá os seus planos. A Prodrive deverá continuar a vender carros para clientes, desconhecendo-se para já se mantém Dani Sordo e Kris Meeke ao seu serviço.

    Fala-se na Toyota, mas neste caso que surgiu na imprensa há uns tempos terá sido mais um 'apalpar' terreno do que um projeto com avanço confirmado.


    Autosport

  11. #1286
    Avatar de mirror
    Registo
    Mar 2007
    Idade
    58
    Posts
    23.549

    Padrão Assustador acidente no Rally de Catamarca


  12. #1287
    Avatar de florindo
    Registo
    Oct 2006
    Posts
    38.090

    Padrão Rali Alemanha: Nono triunfo de Sébastien Loeb








    Consolidou liderança no Mundial
    O francês Sébastien Loeb (Citroën DS3) venceu este domingo, pela nona vez na sua carreira, o Rali da Alemanha, nona prova do campeonato do Mundo, batendo os finlandeses Jari-Matti Latvala (Ford Fiesta) e Mikko Hirvonen (Citroën DS3).
    Com o 74.º triunfo no currículo, o gaulês consolidou a liderança do campeonato do Mundo, à frente de Hirvonen, e está cada vez mais perto do nono título, quando faltam disputar quatro provas.
    Dominador desde o primeiro dia, Loeb agarrou a liderança na classificativa inaugural e não voltou a deixar o comando até final, manifestando a sua mestria especialmente no sábado, dia em que beneficiou de uma série de erros dos adversários, nomeadamente o norueguês Petter Solberg, o belga Thierry Neuville e o espanhol Daniel Sordo.
    "O Rali da Alemanha é uma corrida em que é fácil cometer erros.
    Muitos pilotos fizeram. É um rali traiçoeiro, de estradas estreitas.
    É preciso saber encontrar o ritmo, atacar quando é preciso, mas também saber gerir em certos momentos.
    Nós fomos muito regulares, sem cometer erros desde o início. Fiz uma corrida limpa. O resultado está aí", afirmou Loeb.
    Latvala também não escapou a algumas falhas e terminou a jornada de sábado a 1.42 minutos do alsaciano, uma diferença que Loeb ampliou para dois minutos nas três especiais do último dia, enquanto Hirvonen terminou a 2.31.
    Vencedor de nove das 15 classificativas do rali, o piloto da Citroen terminou a prova com o melhor tempo na "Power Stage", a especial que fechou a competição nas ruas de Trier.
    A próxima prova do Mundial, o Rali da Grã-Bretanha, realiza-se de 13 a 16 de setembro, em Cardiff, no País de Gales.

    Fonte: Record

  13. #1288

    Registo
    Apr 2007
    Posts
    2.493
    Inscrições para o Rally dos Sertões 2013 começam no dia 8 de outubro

    A poeira do Rally dos Sertões 2012 mal baixou e já começa a ser planejada a próxima edição da maior competição off road disputada dentro de um único país. A edição 2013 do Sertões deve acontecer entre os dias 20 e 30 de agosto, sendo prólogo e Super Prime na terça-feira, 20 de agosto de 2013, com largada no dia 21 e chegada no dia 30. Os locais de largada, chegada e as cidades que receberão o rali ainda não estão definidos.

    As inscrições para a edição 2013 serão abertas no dia 8 de outubro deste ano e além de desconto, vai dar como cortesia a inscrição de um apoio às 25 primeiras inscrições confirmadas nos carros/caminhões e 25 primeiras confirmadas entre motos/quadris/UTVs. Para contar com esse benefício, as inscrições devem ser feitas e confirmadas até o dia 31 de outubro.

    "Para a próxima edição teremos quatro fases de inscrição. A primeira começa no dia 8 e vai até o dia 31 de outubro de 2012 e em um bom desconto para quem quiser garantir o lugar no grid do ano que vem. Em relação ao valor final, o desconto pode chegar a 26%", diz Sabrina Proença, responsável pela secretaria de prova da Dunas Race.

    Para os dez dias de disputas, o valor das inscrições para carros e caminhões é de R$ 12.460,00. Motos e quadriciclos tem o valor estipulado em R$ 5.090,00 e os UTVs em R$8.600,00. Esses valores são para pagamento à vista.

    Para as etapas do Sertões Series, com apenas quatro dias de competição, os valores são R$ 5.130,00 para carros e caminhões, R$ 2.120,00 para motos e quadris e R$ 4.300,00 para UTVs. Para cada integrante da equipe de apoio, o valor é de R$ 1.100,00.

    As inscrições devem ser feitas sempre que o competidor quiser entrar em contato com a secretaria de provas da Dunas Race pelo telefone (11) 4191-0133.
    Última edição por barril; 02-10-2012 às 19:03.

  14. #1289

    Registo
    Apr 2007
    Posts
    2.493

    Padrão Loeb ganha Rali de França e assegura nono título mundial

    Esta temporada, Loeb venceu quatro dos 11 ralis disputados e registou apenas um abandono, precisamente no rali de Portugal, disputado no início de abril.O piloto francês Sebastien Loeb (Citroen) assegurou hoje o nono título consecutivo de campeão mundial, ao triunfar no Rali de França, antepenúltima prova do Mundial, que terminou em Haguenau, a sua terra Natal.
    Loeb, que na próxima época não vai estar a tempo inteiro no Mundial, impôs-se à concorrência, relegando Jari-Matti Latvala (Ford) para a segunda posição, e Mikko Hirvonen para o terceiro lugar da geral.
    Hirvonen, companheiro de equipa de Loeb na Citroen, era o único que à partida para o rali francês poderia impedir o nono título do francês.
    Loeb terminou a prova na liderança e conquistou os pontos necessários para “anular” o finlandês, quando ainda faltam disputar os ralis de Itália e Espanha.
    «O último dia foi muito complicado, de manhã fiz ‘aquaplaning’, mas depois as coisas foram melhorando», afirmou Loeb, que juntamente com Hirvonen assegurou a conquista do título de construtores para a Citroen.
    O piloto francês, que à chegada foi saudado por centenas de pessoas, admitiu ter ‘dificuldade’ em contabilizar o número de títulos já conseguidos.
    «Sou ‘nónuplo’ campeão do mundo… ‘nónuplo’, acho que a palavra existe, mas é complicada», afirmou o francês, de 38 anos.
    Na semana passada, Loeb anunciou a intenção de disputar apenas quatro ou cinco ralis na próxima época, e a possibilidade de competir no Mundial de Turismo em 2014.
    «Daniel Elena, o meu copiloto, agarrou-me a mão e disse: ‘Vamos lá é o nosso último título’. Agora está conquistado, quero saborear o momento», referiu.
    Esta temporada, Loeb venceu quatro dos 11 ralis disputados e registou apenas um abandono, precisamente no rali de Portugal, disputado no início de abril.
    «Com exceção do rali de Portugal, eu e o Daniel fizemos uma temporada perfeita», assegurou.

  15. #1290

    Registo
    Apr 2007
    Posts
    2.493
    Dakar2013. «Segundo lugar foi uma prenda»
    Piloto algarvio regressou a Lisboa com sensação de missão cumprida no Dakar2013.
    O piloto português da KTM, Ruben Faria, chegou esta terça-feira a Portugal com o sentimento de dever cumprido depois de ter alcançado um histórico segundo lugar no Dakar2013.

    À chegada ao aeroporto de Lisboa, onde fez escala para Faro, Ruben Faria falou à comunicação social sobre os seus projetos para o futuro deixando rasgados elogios ao seu companheiro de equipa e vencedor do Dakar2013, Cyril Despres.

    «Queria agradecer ao Cyril Despres, que foi a pessoa que me telefonou entre 2009 e 2010 para saber se queria ir ao Dakar como `aguadeiro´. A minha carreira, possivelmente, teria acabado naquele ano, já que não tinha patrocinadores para continuar. Ele deu-me a mão», lembrou Ruben Faria depois de ter garantido que nunca partiu para o Dakar na Argentina com o objetivo de ficar à frente do seu companheiro de equipa na KTM.

    «Não houve sensação (de estar em primeiro). Estou a trabalhar para o Cyril e sabia que o primeiro lugar não faria sentido nenhum. Foi um ano inteiro a trabalhar para um objetivo, que foi cumprido. O segundo lugar foi uma prenda», afirmou Ruben Faria.

    Em relação ao futuro, e à possibilidade de um dia vir a correr por conta própria, Ruben Faria mostrou-se cauteloso.

    «Quero mais, claro. O sonho de qualquer piloto é correr para ele próprio, mas não me foi possível até à data. Tenho contrato com a KTM até final deste ano, mas não tenho ainda contrato para o próximo Dakar», revelou.

    «Na próxima semana não quero saber de motas nem de telefonemas»

    Com uma marca histórica alcançada na última edição do Rali Dakar, Ruben Faria encara agora o futuro com mais optimismo, mas garante que na próxima semana não quer saber de motas nem de telefonemas, apenas da família.

    «Agora é esperar. Vai ser uma semana com a minha família, sem querer saber de motas nem de telefonemas. Começo a trabalhar na próxima semana e depois saberei qual será o futuro», confidenciou.

    Por outro lado, Rúben Faria revelou alguma mágoa por não ter qualquer patrocínio português, algo que afeta muitos desportistas lusos.

    «É um bocado frustrante, para todos nós desportistas, muitos dos quais meus amigos, e todos se queixam do mesmo. Felizmente, neste momento, estou numa equipa estrangeira, não me posso queixar muito, mas gostava de ter um patrocinador português», lamentou.
    autoracing.com

Página 86 de 92 Primeiro ... 367685 86 87 ... Último

Tags para este Tópico

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •  

Conectar

Conectar