Página 5 de 92 Primeiro ... 4 5 61555 ... Último
  1. #61

    Registo
    Sep 2006
    Posts
    13.147

    Padrão Condenada, prisão de Guantánamo causa controvérsia

    Guantánamo, a prisão mais controvertida do mundo, está com os dias contados. Os três candidatos à presidência dos Estados Unidos - o republicano John McCain e os democratas Barack Obama e Hillary Clinton - prometem fechar os campos de detenção de Guantánamo, se forem eleitos. A prisão abriga alguns dos terroristas mais perigosos do mundo, envolvidos nos ataques de 11 de Setembro de 2001, mas também muita gente inocente que não teve direito a julgamento.


    Hoje, a base americana tem 275 detentos e 1.850 militares. Em seis anos, mais de 750 pessoas estiveram presas nos campos. Dessas, só 13 foram acusadas de algum crime. Discretamente, o governo já liberou ou transferiu para outros países mais de 500 pessoas sem nenhuma acusação formal. Agora, nos estertores do governo de George W. Bush, os EUA prometem julgar até 80 prisioneiros. Bush, em seu último ano de mandato, corre contra o relógio para recuperar um pouco da reputação americana, comprometida por causa das violações de direitos humanos na prisão.

    No último ano da administração, há pressa para mostrar serviço. Em Abril ou maio as comissões militares de Guantánamo devem começar o julgamento de Khalid Sheik Mohammad (KSM, no jargão militar) e outros cinco presos acusados de colaborar com a Al-Qaeda. O governo americano pediu pena de morte para todos. KSM admitiu na TV Al-Jazira ter sido um dos idealizadores do 11 de Setembro, entre outros ataques. Bush tem pressa para mostrar que Guantánamo teve alguma utilidade. Até agora, só um prisioneiro, o australiano David Hicks, foi condenado (na realidade, declarou-se culpado).


    .
    Cumps
    Matapitosboss


    __________________________________________
    "Se eu podia viver sem o Gforum? Podia, mas não era a mesma coisa."



    [Desaparecidos]

    Rui Pedro (Menino de Lousada, raptado dia 4 de Março de 1998)
    www.findmadeleine.com (Menina desaparecida na praia da Luz, no Algarve)

  2. #62

    Registo
    Sep 2006
    Posts
    13.147

    Padrão Arménia tem estado de emergência; protestos por eleição matam 8

    Oito pessoas morreram e 33 policias ficaram feridos durante os violentos protestos nocturnos na Arménia, que terminaram depois de o governo declarar estado de emergência e mobilizar o Exército.

    O estado de emergência, vigente até 20 de Março, foi declarado após os piores distúrbios na Arménia em uma década, provocados por manifestantes da oposição contra os resultados das eleições presidenciais de 19 de Fevereiro.


    A oposição considerou que as eleições foram manipuladas, apesar de observadores de potências do Ocidente indicarem que em geral elas foram justas.


    A polícia manteve duros enfrentamentos com os simpatizantes da oposição, que fizeram protestos diários desde que o primeiro-ministro, Serzh Sarksyan, foi eleito presidente.


    O estado de emergência proíbe protestos e impõe censura.


    O presidente que irá deixar o cargo, Robert Kocharyan, disse a medida foi tomada para "prevenir uma ameaça de ordem institucional".


    Kocharyan acusou os manifestantes de disparar, lançar granadas e de planear um golpe de estado. A oposição negou e afirma que a polícia ataca protestos pacíficos.


    .
    Cumps
    Matapitosboss


    __________________________________________
    "Se eu podia viver sem o Gforum? Podia, mas não era a mesma coisa."



    [Desaparecidos]

    Rui Pedro (Menino de Lousada, raptado dia 4 de Março de 1998)
    www.findmadeleine.com (Menina desaparecida na praia da Luz, no Algarve)

  3. #63

    Registo
    Sep 2006
    Posts
    13.147

    Padrão Hospitais de Gaza dizem estar 'à beira do colapso'

    Autoridades médicas na Faixa de Gaza advertiram neste domingo que os hospitais na região estão “à beira de um colapso”, diante do grande numero de mortos e feridos nos ataques israelitas dos últimos dias.
    Ao menos 80 palestinos já foram mortos no conflito desde a quarta-feira, quando Israel começou suas operações de retaliação pelas dezenas de ataques palestinos com foguetes contra o sul de seu território e que deixaram um estudante morto na cidade de Sderot.

    O governo israelitas responsabiliza o partido islâmico Hamas, que controla a Faixa de Gaza, pelos ataques e promete uma ofensiva em larga escala contra o grupo.

    No sábado pelo menos 60 palestinos foram mortos, o maior número registado em um só dia desde o inicio da última Anti fada (revolta popular palestina), no ano 2000.

    Fronteira aberta

    Os hospitais na Faixa de Gaza estariam sofrendo com falta de camas, equipamentos, medicamentos, agulhas e sangue e informam que não conseguem mais absorver o grande número de feridos nos ataques israelitas.

    Depois de um apelo do grupo Hamas ao Egito, as autoridades egípcias concordaram em abrir a fronteira de Rafah para possibilitar a passagem de feridos.

    O Egipto enviou 27 ambulâncias à fronteira de Rafah para transportar feridos palestinos a hospitais egípcios.

    De acordo com Halil Nahal, diretor da UTI do hospital Shifa de Gaza, “o hospital geralmente destina 11 camas para a UTI, porém em vista da gravidade dos ferimentos, neste domingo 95 pacientes se encontram em esquema de UTI”.

    “A situação está muito difícil, a cada meia hora recebo mais um paciente que necessita de UTI”, disse Nahal ao site de noticias Ynet.

    Novas mortes

    Neste domingo, a ofensiva israelitas na Faixa de Gaza continua, e desde a manhã ao menos mais dez palestinos foram mortos.

    Militantes palestinos também continuam lançando foguetes contra o sul de Israel. Neste domingo 25 foguetes já atingiram as cidades de Sderot e Ashkelon e outros vilarejos no sul do país.

    Não houve feridos graves, porém os foguetes atingiram uma casa e uma fábrica em Sderot, causando sérios danos materiais.

    A onda de violência dos últimos dias, antes restrita à Faixa de Gaza, já começa a se alastrar também para a Cisjordânia.

    Milhares de palestinos protestaram em diversas cidades da Cisjordânia, contra os ataques israelitas à Faixa de Gaza.

    Os choques mais violentos foram registados na cidade de Hebron, onde centenas de palestinos se confrontaram com as tropas israelitas, que abriram fogo contra os manifestantes.

    Um adolescente palestino de 13 anos foi morto e 40 pessoas ficaram feridas.

    Contactos suspensos

    O presidente palestino, Mahmoud Abbas, reiterou a decisão da Autoridade Palestina de suspender “qualquer contacto com Israel”, em decorrência dos ataques na Faixa de Gaza.

    No sábado o chefe da equipe de negociações da Autoridade Palestina, Ahmed Qorei, havia telefonado à ministra das Relações Exteriores, Tzipi Livni, e anunciou a decisão de suspender as negociações de paz com Israel.

    O primeiro-ministro de Israel, Ehud Olmert, rejeitou as criticas à operação militar de Israel, feitas pela União Europeia e pelo secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, que qualificaram a operação como “exagerada” e “desproporcional”.

    “Tenho ouvido críticas de que Israel estaria usando força demais”, disse Olmert em uma reunião do gabinete, “e que está ferindo civis”.

    “Ninguém tem o direito de passar lições de moral ao Estado de Israel, que está agindo para se defender e impedir que centenas de milhares de residentes do sul do país continuem expostos a um bombardeio incessante que causa transtornos a suas vidas”, afirmou o premiê de Israel.


    .
    Cumps
    Matapitosboss


    __________________________________________
    "Se eu podia viver sem o Gforum? Podia, mas não era a mesma coisa."



    [Desaparecidos]

    Rui Pedro (Menino de Lousada, raptado dia 4 de Março de 1998)
    www.findmadeleine.com (Menina desaparecida na praia da Luz, no Algarve)

  4. #64
    Avatar de Satpa
    Registo
    Sep 2006
    Idade
    56
    Posts
    9.473

    Padrão Chávez adverte Colômbia de que uma violação territorial será «motivo para guerra»

    Venezuela
    Chávez adverte Colômbia de que uma violação territorial será «motivo para guerra»


    O presidente venezuelano, Hugo Chávez, advertiu hoje a Colômbia de que uma eventual incursão militar colombiana no seu país em busca de eventuais guerrilheiros das FARC será «motivo de guerra»


    A advertência foi feita pelo chefe de Estado venezuelano após ter qualificado de «preocupante» e inédito o facto de as forças militares colombianas terem «felizmente» reconhecido que, «violando a soberania de um país vizinho», entraram no território do Equador para proceder à captura do nº 2 das FARC, Raúl Reys.

    «O presidente Uribe que pense bem, não tente fazer isso aqui, porque uma invasão militar da Venezuela seria algo de extremamente grave e motivo para guerra. Não haverá qualquer desculpa» , declarou Chávez durante uma reunião ministerial no palácio de governo, transmitida pela televisão estatal VTV.

    O ministério da Defesa colombiano anunciou sábado que Raúl Reys e pelo menos 16 outros guerrilheiros das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC) foram mortos numa operação das forças armadas colombianas em território equatoriano.

    Chávez assinalou que a morte de Raúl Reys confirma que a Colômbia escolheu o «caminho da guerra» para fazer face ao conflito interno e lamentou que «a oligarquia colombiana com rostos diabolicamente sorridentes» tenha anunciado e festejado o falecimento de «outros colombianos».

    «Nós celebramos a vida e lutaremos sempre por ela» , referiu Chavéz, referindo-se à morte do número dois da direcção das FARC e restantes combatentes.

    O mandatário venezuelano acrescentou que a presumível «violação da soberania» do Equador pela Colômbia «terá de ser investigada à luz do direito internacional».

    Chávez considerou ainda que a Colômbia «optou pelo caminho da guerra», obedecendo a eventuais ordens dos Estados Unidos e perguntou se o país vizinho «vai transformar-se num Israel da América Latina».

    «Israel, que é outro instrumento do imperialismo, fez incursões no Líbano, faz incursões quase que diárias na Faixa de Gaza, mata, sequestra, bombardeia, destrói, e o mundo fica calado. Será que a Colômbia vai ser Israel da América Latina?» , questionou o presidente venezuelano

    Chavéz recordou que a Venezuela e a Colômbia viveram uma crise diplomática em 2005 na sequência do rapto em Caracas do «chanceler das FARC», Rodrigo Granda, numa operação que «não incluiu bombardeamentos, mas que foi grave».

    O governo colombiano negou hoje ter violado a soberania do Equador na operação militar que se saldou pela morte de Raúl Reys e outros combatentes das FARC.

    «A Colômbia não violou a soberania do Equador, apenas agiu de acordo com o princípio de legítima defesa» , declarou o ministério dos Negócios Estrangeiros colombiano em comunicado distribuído em Bogotá, classificando Raul Reys como «um terrorista que tinha o hábito de cometer assassínios na Colômbia».

    Lusa / SOL

  5. #65

    Registo
    Sep 2006
    Idade
    63
    Posts
    5.611

    Padrão "Hoje é um dia especial

    Medvedev promete continuar a política de Vladimir Putin
    O Presidente russo cessante, Vladimir Putin, felicitou hoje à noite o candidato do Kremlin, Dmitri Medvedev, pela sua vitória nas eleições presidenciais e este prometeu prosseguir a política iniciada pelo seu antecessor. "Hoje é um dia especial. Escolhemos a via do desenvolvimento do país por um longo período futuro", afirmou o novo Presidente da Rússia
    "Felicito Dmitri Medvedev", declarou Putin, ao lado do seu delfim, de 42 anos, durante um concerto na Praça Vermelha, em Moscovo, cujas imagens foram transmitidas pela televisão, sob os aplausos de jovens apoiantes.

    "As eleições presidenciais realizaram-se e o nosso candidato vai, sem qualquer dúvida, à frente", acrescentou, referindo-se aos primeiros resultados parciais, e agradecendo a "todos os cidadãos russos que se deslocaram às urnas".

    "Isso significa que vivemos num Estado democrático e que a nossa sociedade civil está a tornar-se eficaz, responsável e activa", sublinhou o Presidente russo.

    Visivelmente feliz, Medvedev declarou que a Rússia escolheu seguir em frente e garantiu que "a política do Presidente Putin" será prosseguida.

    "Hoje é um dia especial. Escolhemos a via do desenvolvimento do país por um longo período futuro", afirmou.

    "Temos todas as hipóteses de continuarmos a desenvolver-nos como nos desenvolvemos nos últimos anos, de reforçar a estabilidade, melhorar a qualidade de vida, ir em frente", sustentou.

    "Temos todas as possibilidades para preservar a política de Putin. Iremos em frente e juntos venceremos!", prosseguiu, assumindo já uma postura de Estado, embora a passagem do poder se faça apenas em Maio.

    Os dois homens apresentaram-se ambos com roupa informal, atravessando a Praça Vermelha com uma música patriótica em fundo, interpretada pela banda preferida de Putin, Liubé, antes de subirem ao palco

    Fonte:SIC Online
    Um abraço

    Bruno Cardoso



  6. #66

    Registo
    Sep 2006
    Idade
    63
    Posts
    5.611

    Padrão Crise diplomática entre a Colômbia e vizinhos Equador e Venezuela após operação contr

    Bogotá, 02 Mar (Lusa) - A crise diplomática entre a Colômbia e os seus vizinhos Equador e Venezuela surgiu em consequência duma operação, desencadeada sábado, do exército colombiano em território equatoriano contra guerrilheiros das FARC.

    Os presidentes da Venezuela, Hugo Chavez, e do Equador, Rafael Correa, ordenaram hoje o encerramento das embaixadas destes países em Bogotá.

    "Dou ordem para a retirada imediata de todo o nosso pessoal da embaixada em Bogotá. Que fechem a embaixada", declarou Chavez, que anunciou também o envio de 10 batalhões para a fronteira com a Colômbia.

    "Que a aviação militar se desloque [para aquela zona]. Não queremos a guerra, mas também não vamos permitir nem ao império nem ao seu cão pequeno que venha enfraquecer-nos", disse Chavez, numa alusão aos Estados Unidos e ao presidente da Colômbia, Álvaro Uribe.

    As autoridades de Quito também denunciaram, veementemente, a incursão em território do Equador de militares colombianos, que mataram sábado o número 2 das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC), Raul Reyes, e outros 16 guerrilheiros.

    "A Colômbia cometeu a violação mais grave da soberania do Equador", declarou o ministro equatoriano do Interior, Gustavo Larrea.

    "Queremos saber, exactamente, quais foram as armas utilizadas nessa operação", disse o ministro da Defesa do Equador, Wellington Sandoval.

    O Presidente equatoriano acusou o seu homólogo colombiano de lhe ter mentido, ao dizer-lhe que a operação militar em causa tinha sido uma acção de "perseguição a quente".

    Uma versão que não convenceu, já que militares equatorianos enviados para o local encontraram os guerrilheiros da FARC mortos usando roupas com as quais dormiam, ou seja, atacados e bombardeados enquanto dormiam e não numa perseguição.

    Por enquanto, o governo colombiano desvalorizou as acusações e negou que tenha havido violação da soberania do Equador, dizendo que "agiu dentro do princípio da legítima defesa", nas palavras do seu ministro dos Negócios Estrangeiros.

    Isto apesar de ter, sábado, reconhecido que as suas tropas penetraram e avançaram cerca de 1.800 metros em território do Equador.

    Num outro episódio, menor, desta crise, soldados equatorianos prestaram hoje socorro a duas mulheres das FARC, que tinham escapado da operação militar de sábado.

    ANP.

    Fonte:Lusa/fim
    Um abraço

    Bruno Cardoso



  7. #67

    Registo
    Sep 2006
    Idade
    63
    Posts
    5.611

    Padrão Acidentes: Vítimas de despiste esta madrugada em Barca de Alva são atletas espanhóis

    Lisboa, 02 Mar (Lusa) - Os dois jovens mortos em consequência do despiste de uma viatura, hoje de madrugada, na zona de Barca de Alva, eram jogadores de futsal do Clube Desportivo Sobradillo, de Salamanca, revelam as autoridades locais espanholas.

    O presidente da câmara de Sobradillo, José González, revelou as identidades das duas vítimas mortais e dos dois outros jovens que viajavam na mesma viatura e que ficaram feridos.

    Os falecidos são os jogadores José Luis Rico Vicente e Lorenzo Hernández Fraile, este conhecido como "Mister Salamanca" num concurso de beleza, e os feridos Rubén Bautista Fernández e Iñaki - os apelidos deste jogador não foram divulgados.

    Fonte do hospital da Guarda tinha já referido, em declarações à agência Lusa, que os jovens envolvidos no acidente eram espanhóis, adiantando que os dois feridos ligeiros já tiveram alta.

    O acidente deu-se pouco depois das 05:00 de hoje quando a viatura se despistou e precipitou por uma ravina ao longo de 50 metros, na estrada que liga Barca de Alva a Freixo de Espada à Cinta, segundo um relato do comandante dos Bombeiros Voluntários de Figueira de Castelo Rodrigo.

    Os jovens, com idades entre 20 e 23 anos, tinham passado a noite em Mata de Lobos, perto de Figueira de Castelo Rodrigo, num jantar com amigos portugueses.

    ANP/FF.

    Fonte:Lusa/Fim
    Um abraço

    Bruno Cardoso



  8. #68
    Avatar de Satpa
    Registo
    Sep 2006
    Idade
    56
    Posts
    9.473

    Padrão Medvedev eleito Presidente da Rússia

    Actualização - Com mais de 70% dos votos contados
    Medvedev eleito Presidente da Rússia


    O sucessor nomeado por Vladimir Putin, Dmitri Medvedev, foi ontem eleito o novo Presidente da Rússia, numa altura em que 70,23% dos votos já foram contabilizados, anunciou hoje o presidente da comissão eleitoral central, de acordo com os resultados preliminares quase definitivos.

    O candidato comunista, Gennady Zyuganov, obteve 17,76 por cento dos votos até ao momento, o ultranacionalista Vladimir Jirinovski 9,37 por cento, e o candidato pró-Europa Andrei Bogdanov, 1,29%, segundo o presidente da comissão de eleições, Vladimir Tchurov.

    A taxa de participação eleitoral rondou os 69,65 por cento, precisou Tchurov.

    Ontem à noite, com apenas 30 por cento dos votos contados, duas horas após o fecho das urnas na Rússia, um glorioso Medvedev já festejava, ao lado de Putin, a vitória nas presidenciais russas. Medvedev, 42 anos, que trabalha há 18 anos ao lado de Putin, e que todos acreditam que irá prolongar o seu poder, apareceu sorridente ao lado do ainda Presidente no concerto marcado para as celebrações na Praça Vermelha.

    Entretanto, o chefe da única missão de observadores ocidentais presente na Rússia, para monitorizar as eleições, oriunda do seio da Assembleia Parlamentar do Conselho da Europa, Andreas Gross, indicou em conferência de imprensa que as eleições não foram "justas" nem "livres".


    03.03.2008 - 09h51 AFP
    Publico PT

  9. #69
    Avatar de Satpa
    Registo
    Sep 2006
    Idade
    56
    Posts
    9.473

    Padrão Automóvel Volkswagen toma controlo do fabricante de pesados sueco Scania

    Automóvel Volkswagen toma controlo do fabricante de pesados sueco Scania

    Frankfurt, Alemanha, 03 Mar (Lusa) - O construtor alemão Volkswagen vai tomar o controlo do fabricante de pesados sueco Scania, depois de ter chegado a acordo com a família Wallenberg, anunciou hoje o grupo alemão.

    O construtor alemão, que já era o primeiro accionista da Scania, chegou a um acordo com a Investor AB, controlada pelos Wallenberg e fundações pertencentes à família, para adquirir as suas participações na Scania.

    A Volkswagen aceitou pagar 200 coroas suecas (21,35 euros) por acção, segundo um comunicado, pelo que o montante envolvido na compra atingirá assim cerca de 2,87 mil milhões de euros.

    O grupo de Wolfsburg (norte da Alemanha) passa a deter 68,60 por cento dos direitos de voto, contra 37,98 por até agora, e vê a sua participação subir de 20,89 para 37,73 por cento do capital.

    Há vários meses que a VW procura aumentar os seus direitos de voto na Scania, tal como o tinha feito a MAN, o conglomerado que fabrica pesados e de que a Volkswagen é o primeiro accionista.

    A MAN anunciara em Dezembro que os seus direitos de votos na Scania eram de 17 por cento.

    No final de 2006, a MAN tentara tomar o controlo de Scania, sem o conseguir por falta de acordo de vários accionistas, entre os quais a Volkswagen.

    Desde então, A Volskwagen chamara a si a resolução da questão, trabalhando há várias meses numa solução amigável para conseguir uma aproximação entre os dois grupos.

    O anúncio da compra das acções da Scania por parte da Volkswagen foi saudado pela MAN, que julga haver agora "melhores condições para a cooperação desejada com a Scania e as actividades veículos pesados da VW".

    MRO
    Lusa/Fim

  10. #70

    Registo
    Sep 2006
    Posts
    13.147

    Padrão Ventos fortes quase derrubam avião na Alemanha

    Um Airbus 320 que chegava de Munique quase sofreu um acidente ao tentar pousar no aeroporto de Hamburgo no último sábado.

    A aeronave transportava 131 passageiros e enfrentou dificuldades para pousar sob os fortes ventos no norte da Alemanha.
    O avião tocou a pista molhada e perdeu a direcção, a asa esquerda chegou a bater no asfalto, antes de o piloto conseguir arremeter e voltar a voar.

    A aeronave pousou em segurança 15 minutos mais tarde. Os passageiros foram levados para o atendimento psicológico oferecido pela companhia aérea Lufthansa. Não houve feridos.


    .
    Cumps
    Matapitosboss


    __________________________________________
    "Se eu podia viver sem o Gforum? Podia, mas não era a mesma coisa."



    [Desaparecidos]

    Rui Pedro (Menino de Lousada, raptado dia 4 de Março de 1998)
    www.findmadeleine.com (Menina desaparecida na praia da Luz, no Algarve)

  11. #71
    Avatar de delfimsilva
    Registo
    Oct 2006
    Posts
    29.002

    Post Enfermeiro serial killer matava pacientes com insulina

    O enfermeiro Colin Norris, de 32 anos, foi considerado culpado pelo assassínio de quatro idosos através da administração de doses letais de insulina, o remédio mais utilizado nos diabéticos

    Colin Norris, 32 anos, foi o responsável pela medicação de quatro mulheres idosas durante o seu tempo de serviço em dois hospitais de Leeds, decidiu hoje o Tribunal de Newcastle.

    A polícia afirmou que Norris escolhia «mulheres velhas e frágeis, que normalmente se encontravam confusas e desamparadas» que estavam sob os seus cuidados.

    «Enquanto outros no mesmo hospital cuidavam com mais afinco destas pacientes, o criminoso fazia exactamente o contrário», declarou à Reuters um porta-voz da polícia. «Ele estava à procura de oportunidades para envenená-las com insulina».

    Norris matava as pacientes caso estas o irritassem, tendo sido descrito como «incrivelmente arrogante e quase agressivo» pelos funcionários judiciais.

    O criminoso negou todas as acusações, mas vai ouvir a sentença final na quinta-feira.

  12. #72
    Avatar de delfimsilva
    Registo
    Oct 2006
    Posts
    29.002

    Post Irão: Conselho Segurança da ONU aprova agravamento de sanções

    O Conselho de Segurança das Nações Unidas aprovou hoje uma terceira série de sanções contra o Irão com o apoio quase unânime dos seus membros, revelaram diplomatas.
    A decisão de endurecer as sanções motivadas pelo programa nuclear do Irão envia um forte sinal a Teerão de que a sua recusa em suspender o enriquecimento de urânio é inaceitável e lhe trará pesados custos.

    Votaram a favor 14 dos 15 membros do Conselho, com a Indonésia a abster-se.

    O embaixador do Irão, Mohammad Khazee, disse ao Conselho, antes a votação, que o seu governo não obedecerá à «acção ilegal» contra o seu «programa nuclear pacífico». Pela primeira vez, a resolução proíbe o comércio de mercadorias com o Irão que tenham simultaneamente utilização militar e civil.

  13. #73
    Avatar de Satpa
    Registo
    Sep 2006
    Idade
    56
    Posts
    9.473

    Padrão Superterça-feira II, dia decisivo para Hillary Clinton

    Texas, Vermont, Rhode Island e Ohio votam hoje
    Superterça-feira II, dia decisivo para Hillary Clinton


    A senadora Hillary Clinton joga esta noite o seu futuro como candidata à presidência dos Estados Unidos, numa nova superterça-feira eleitoral que se espera poder clarificar finalmente qual será o democrata que vai defrontar John McCain, que já tem assegurada a nomeação republicana.

    Os eleitores norte-americanos voltam hoje às urnas nos estados do Vermont, Rhode Island, Ohio e no Texas - onde o sistema eleitoral prevê que as pessoas podem votar primeiro em primárias e depois em caucus, contribuindo assim para eleger por duas vias mais de 200 delegados à convenção nacional no final de Agosto.

    Para Hillary Clinton, o momento é decisivo: depois de uma série de onze derrotas consecutivas, a candidata só terá argumentos para continuar a concorrer com Barack Obama se conseguir inverter a tendência e provar que prevalece nos grandes estados, os mais importantes para Novembro. Uma derrota elimina-a quase automaticamente da competição - embora muitos especulem que, mesmo que a senadora não vença todas as primárias de hoje, poderá insistir em manter-se em jogo para um "tira-teimas" definitivo na Pensilvânia, no final de Abril, se a diferença de delegados para o seu adversário continuar abaixo de uma centena.

    "A mim não me agrada nada votar por uma mulher, mas jamais poderia votar por alguém que se recusa a usar o pin da bandeira americana na lapela e tem uma fotografia com um ditador africano na parede do escritório...", confessou ao PÚBLICO Larry Biggs, um criador de ovelhas presente na Feira de Gado e Rodeo do Texas, em Austin, e que durante os seus 65 anos de vida sempre se declarou convictamente como um democrata.

    "Nada a negociar"

    O que, às vezes, parece difícil de descortinar no seu discurso. Por exemplo, Larry é apaixonadamente a favor da proibição do aborto, uma posição contrária à do seu partido. E a diplomacia também é coisa que não o convence. "Que mania é esta que temos de falar e negociar com toda a gente? No tempo de Kennedy ou Lyndon Johnson, os Estados Unidos avisavam os russos que lhes rebentavam com os submarinos e não negociavam. Os Estados Unidos não têm nada que negociar", insiste.

    A sua filha Jenei, que não sente a mesma lealdade partidária do pai, garante que nunca votará por Hillary Clinton. "Eu acho que as mulheres não têm nada que se candidatar a cargos políticos", explica. "Eu agora não vou votar, mas talvez vá em Novembro. Por quem? John McCain", revela, enquanto o pai abana a cabeça.

    "Ela votou no Bush, não devia estranhar", informa Larry Biggs. Jenei assegura que "não se queixa" do actual Presidente, apesar de considerar que este tomou "muitas decisões erradas". Por exemplo, a guerra do Iraque, que "já só interessa por causa do dinheiro". "Não estamos a ganhar nem estamos a ajudar, por isso temos de sair", considera.

    Mas isso não será contraditório com aquilo que defende John McCain? "Se calhar, é. Da maneira que eu vejo as coisas, as guerras são inevitáveis. Depois do Iraque, há de ser o Irão, ou outro lugar qualquer. Antes lá do que aqui", sublinha.

    Hunter, um jovem que participa na exposição de gado com a vaca Elsie, considera John McCain é o único candidato capaz de assegurar que os Estados Unidos não voltem a ser atacados. "Se os democratas vencerem estas eleições, vamos ter outro 11 de Setembro. Não se pode ter complacências com os terroristas, temos de os bombardear."

    É a economia...

    Jim Wesley, que também participa no concurso de gado, diz ao PÚBLICO que, "se não fosse a economia", não teria o mínimo problema em votar em John McCain, que "é um bom homem". "Nas questões morais, os meus valores são os mesmos dos republicanos, mas não me agrada a forma como eles encaram a economia. Toda a minha vida, assisti a uma cada vez maior concentração da riqueza nas mãos das corporações, as administrações republicanas nunca me beneficiaram como pequeno empresário", refere.

    Por estar longe de casa, Jim votou antecipadamente. "Esta é uma corrida decisiva, não podia deixar de participar. E foi uma decisão difícil. Acabei por votar no Barack Obama, porque me parece que ele tem mais carácter. Acho que o país está quase preparado para ter uma mulher presidente, mas ainda não...", acrescenta.

    As últimas sondagens relativas às intenções de voto no Texas dão uma insignificante vantagem a Barack Obama: 47 por cento contra 44 por cento de Hillary, de acordo com a Reuters/C-Span/Zogby. Os inquéritos locais, da WFAA/Belo, apontavam para um empate, com 46 por cento para os dois candidatos.

    A campanha de Hillary parece, todavia, mais confiante numa vitória no Ohio: a senadora marcou um derradeiro evento em Austin, a capital do Texas, para ontem à noite, mas convocou os apoiantes para uma "grande festa" eleitoral na cidade de Columbus, no Ohio, a partir de onde espera poder fazer o discurso do relançamento da sua campanha.

    Naquele deprimido estado industrial, parecia estar a funcionar melhor a mensagem económica da candidata, que tem aprofundado o seu tom populista e radicalizado as suas críticas à falta de experiência do seu adversário. Ontem, a Quinnipiac University dava 49 por cento a Clinton e 45 por cento a Obama, com uma margem de erro de 3,5 por cento.

    José Pacheco Pereira (autor do blogue Abrupto e que será director da edição de amanhã do PÚBLICO), Vasco Rato (investigador), Pedro Magalhães (do blogue Margens de Erro), Paulo Gorjão (O Cachimbo de Magritte), Carlos Gaspar e Manuela Franco (ambos do Instituto Português de Relações Internacionais), José Manuel Fernandes e Rita Siza (director e correspondente do PÚBLICO nos EUA) vão acompanhar e comentar em directo esta noite os resultados eleitorais americanos no site do PÚBLICO.

    04.03.2008 - 08h59 Rita Siza, Austin, Texas
    Publico

  14. #74

    Registo
    Sep 2006
    Idade
    63
    Posts
    5.611

    Padrão Cabo Verde: Julgamento do homicídio de turistas italianas marcado para 10 de Abril

    Cidade da Praia, 04 Mar (Lusa) - O início do julgamento do caso das duas turistas assassinadas na ilha do Sal, em 2007, está marcado par dia 10 de Abril, com dois jovens cabo-verdianos no banco dos réus.

    Segundo o jornal "A Semana", quer os arguidos quer as famílias das vítimas já foram notificados, devendo o julgamento ser, "em princípio", público.

    Os arguidos, Sandro e Admilson, estão em prisão preventiva desde Fevereiro do ano passado. O primeiro é acusado da autoria de dois crimes de homicídio agravado, um homicídio na sua forma tentada, roubo, danos, agressão sexual com penetração e ocultação de cadáver. O segundo é responsabilizado pelos mesmos delitos de Sandro, à excepção dos crimes de danos e agressão sexual.

    Um terceiro jovem, Daniel, será apenas arrolado como testemunha, já que esteve no local do duplo homicídio mas já depois dele ter ocorrido e recusou-se mesmo a ajudar os dois arguidos a enterrar as vítimas, conforme disse fonte policial à Lusa.

    Testemunha no processo é também Agnese Paci, a jovem que acompanhava as duas vítimas e que foi violada e agredida por Sandro, que julgou tê-la morto, tendo esta conseguido escapar e ser socorrida já longe do local do crime por um taxista, também testemunha no processo.

    A 09 de Fevereiro do ano passado foram encontradas mortas e enterradas duas turistas italianas, Dália Saiani (33 anos) e Giórgia Busato (28), que há muitos anos viajavam para a ilha do Sal, onde inclusivamente já tinham casa.

    As duas trabalhavam em turismo e no dia da morte (na noite de 08 para 09) estavam acompanhadas de uma amiga, Agnese Paci (17 anos), que conseguiu escapar com vida.

    Segundo relatos feitos na altura à Agência Lusa, no dia 08, um antigo namorado de Dália Saiani, Sandro do Rosário, convidou a jovem para jantar em sua casa, na capital da ilha, Espargos, tendo esta decidido convidar também as duas amigas, Giorgia e Agnese, tanto mais que era público que as relações entre os dois ex-namorados já não eram boas.

    Fontes policiais e amigos das vítimas contaram à Lusa que Sandro foi buscar as três jovens ao início da noite desse dia, uma quinta-feira, e que ia acompanhado de um amigo, conhecido por "Kitã".

    Segundo relatos da polícia, citando as confissões dos dois jovens, Sandro não se dirigiu a sua casa, como estava previsto, mas antes conduziu em direcção a Palmeira, perto de Espargos, onde alegadamente iria levar o amigo que com eles viajava.

    Porém, pouco antes de chegar a Palmeira, Sandro desviou para a praia de Fontona, uma zona sem casas mas que tem a particularidade de ser das poucas da ilha que é arborizada.

    Cerca de dois quilómetros mais à frente, numa estrada de terra batida e erma, Sandro, terá parado o carro e usado um spray para atordoar as jovens que viajam no banco de trás. Depois tirou Giórgia do carro e estrangulou-a e em seguida ele e o amigo mataram Dália, ou julgam matar, da mesma forma, enquanto avisavam Agnese que se saísse do carro lhe acontecia o mesmo.

    Agnese ficou dentro do automóvel, enquanto as amigas eram colocadas numa cova aberta perto (há várias no local, feitas para tirar pedra para a construção civil e de estradas) e aí agredidas na cabeça com uma pedra grande e pontiaguda.

    "Titã" contou ao comissário da polícia dos Espargos que os dois viram que Dália ainda estava viva quando começaram a despejar-lhe baldes de terra para cima, comprovado pelo facto a autopsia ter revelado vestígios de terra e areia nos pulmões.

    Ainda segundo relatos do comissário, Sandro terá depois agredido e violado Agnese Paci num local um pouco afastado, regressando em seguida para junto do amigo para o ajudar a continuar a enterrar as duas jovens.

    Só que ao regressarem ao local onde ficara Agnese, esta tinha desaparecido, pelo que os dois alegados homicidas foram a um bar em Espargos, ainda segundo relatos policiais, e regressaram depois ao local do crime com um terceiro elemento, Daniel, para procurar Agnese e enterrar melhor as duas vítimas.

    Agnese passou a noite escondida e caminhando, já de manhã, pela praia até encontrar ajuda, na estrada que liga Espargos a Santa Maria.

    Levada ao hotel Djadsal, em Santa Maria, onde estavam hospedados os amigos, Agnese contou que fora agredida por Sandro numa zona arborizada. Na altura a jovem não sabia que as amigas estavam mortas.

    Um grupo de italianos deslocou-se então a Fontona e descobriu os restos do telemóvel de Agnese, que Sandro partira quando viu que ela tentava mandar uma mensagem, e depois o monte de terra, que lhes deixou suspeitas. Foram esses italianos que encontraram os corpos e chamaram a polícia.

    Iniciadas as investigações, nesse mesmo dia 09 de Fevereiro à tarde, os dois suspeitos foram detidos. Agnese regressou a Itália a 13 de Fevereiro e a 14 seguiram para a terra natal os restos mortais das duas amigas.

    FP.

    Fonte:Lusa/fim
    Um abraço

    Bruno Cardoso



  15. #75

    Registo
    Sep 2006
    Idade
    63
    Posts
    5.611

    Padrão Guiné-Bissau: General espanhol chefia nova missão da União Europeia

    Bruxelas, 04 Mar (Lusa) - O general espanhol Juan Esteban Verastegui foi hoje nomeado para chefiar a nova missão da União Europeia responsável pela reforma das Forças Armadas, Polícia e Justiça da Guiné-Bissau, anunciou o alto representante para a Política Externa dos 27.

    "A União Europeia está totalmente empenhada a apoiar a Guiné-Bissau nos seus esforços para reforçar o estado de direito e também da segurança e estabilidade", disse Javier Solana em comunicado de imprensa.

    A nomeação do oficial espanhol foi aprovada pelos representantes dos 27 bpaíses da UE no Comité de Política e Segurança.

    O General Verastegui, 56 anos, já ocupou lugares de responsabilidade na Missão das Nações Unidas na Guatemala (MINUGUA), em 1994-1995, e na Missão das Nações Unidas na República Democrática do Congo (MONUC), 2003-2004.

    A União Europeia (UE) aprovou a 15 de Fevereiro último o envio de peritos para a Guiné-Bissau, com o objectivo de apoiar o combate ao narcotráfico.

    A equipa de peritos, que será formada por pelo menos 15 conselheiros civis e militares, apoiará as autoridades guineenses na elaboração de legislação e reforço dos mecanismos de controlo para prevenir o tráfico de drogas.

    A missão de peritos da UE tem um orçamento de 5,7 milhões de euros para levar a cabo o seu mandato de 12 meses.

    A ideia do envio da equipa de peritos partiu de Portugal, que organizou, em Dezembro de 2007, durante o semestre em que ocupou a presidência da União Europeia, uma mesa-redonda para reunir fundos da comunidade internacional destinados a combater o narcotráfico na Guiné-Bissau.

    O governo guineense obteve então 4,6 milhões de euros na Conferência Internacional sobre Narcotráfico na Guiné-Bissau, cerca de um terço do previsto no Plano Operacional, para executar o projecto de combate ao crime organizado.

    FPB/EL.

    Fonte:Lusa/Fim
    Um abraço

    Bruno Cardoso



Página 5 de 92 Primeiro ... 4 5 61555 ... Último

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •  

Conectar

Conectar