Governo: Aprovado diploma que fixa acordo com Espanha para preservação do lince ibérico


Lisboa, 14 Ago (Lusa) -- O Conselho de Ministros aprovou hoje o decreto que estabelece um acordo de cooperação entre Portugal e Espanha para o programa de reprodução em cativeiro do lince ibérico, assinado em Agosto do ano passado.

O acordo "visa contribuir para a conservação da espécie de felino mais ameaçada do mundo e tem como objecto a cooperação entre ambos os Estados para a plena integração da República Portuguesa no programa espanhol de reprodução em cativeiro do lince ibérico", refere o comunicado do Conselho de Ministros.

O centro "será da responsabilidade do Ministério do Ambiente, Ordenamento do Território e do Desenvolvimento Regional através do Instituto da Conservação da Natureza", havendo a possibilidade de parcerias com privados, acrescenta o comunicado.

O centro de reprodução em território português, em Silves, previsto no acordo, terá capacidade para 16 felinos, engloba vários edifícios, estando prevista a conclusão das obras em Janeiro de 2009.

Na cerimónia de lançamento da primeira pedra, em Junho passado, o ministro do Ambiente, Nunes Correia, considerou que o centro nacional de reprodução é um dos maiores investimentos nos últimos anos em termos de política ambiental.


© 2008 LUSA - Agência de Notícias de Portugal, S.A.