O maior é, de longe, o mar Cáspio, que possui quase 400 mil km2, tamanho que supera o território do Japão

Apesar do nome, a maior parte dos geólogos classifica o mar Cáspio como lago. É que ele não tem conexões com os oceanos e não despeja suas águas em nenhum outro lago, rio ou curso d’água. Na verdade, não existe um critério para definir com exatidão a diferença, por exemplo, entre um lago e uma lagoa. Mas, em geral, os geólogos consideram um lago um bloco de água que ocupa uma grande superfície continental.



TOP 5 AQUÁTICO
Depois do Cáspio, maiorais estão na América do Norte

MAR CÁSPIO
Onde - Rússia, Irã, Cazaquistão, Turcomenistão e Azerbaijão
Área - 386 400 km2
Sua área é tão grande que percorre três zonas climáticas diferentes do planeta, sendo que, no inverno, a água da parte mais ao norte congela completamente. O Cáspio é o maior corpo de água salgada dentro de uma área continental e possui cerca de 50 ilhas

MICHIGAN-HURON
Onde - EUA e Canadá
Área - 117 300 km2
Unidos por um estreito canal, o Michigan e o Huron são, na prática, um lago só. Devido à grande dimensão, ao serem descobertos eles foram batizados com dois nomes diferentes. Só mais tarde se descobriu a ligação entre ambos, mas os nomes históricos foram mantidos

SUPERIOR
Onde - EUA
Área - 82 100 km2
Assim como o Michigan-Huron, faz parte dos chamados Grandes Lagos americanos – que reúnem ainda o Erie e o Ontário. O Superior recebe água de mais de 200 rios e uma de suas ilhas, a Isle Royale, é tão grande que virou um parque nacional

VITÓRIA
Onde - Tanzânia, Uganda e Quênia
Área - 69 400 km2
O maior lago da África é cercado por uma das áreas mais populosas do continente. As pessoas se concentram nas bordas dele para aproveitar as águas doces com centenas de espécies de peixes. Ao longo de sua extensão, o Vitória abastece duas usinas hidrelétricas

TANGANICA
Onde - Burundi, Congo, Tanzânia e Zâmbia
Área - 32 900 km2
O segundo maior lago africano é também o segundo mais profundo do mundo – com até 1 470 m de profundidade, ele só fica atrás do lago Baikal, na Rússia (1 940 m). O Tanganica é freqüentado por uma fauna variada, de hipopótamos e crocodilos a várias espécies de aves





Revista Mundo Estranho