SIGER entrou em funcionamento

Novo Programa informático permite penhorar mais depressa quem tem dívidas fiscaisO Fisco vai poder penhorar mais rapidamente os bens dos administradores de empresas com dívidas à Administração Tributária. Isto porque, na semana passada, entrou em funcionamento o Sistema de Gestão de Reversões (SIGER), um programa informático que permite que os serviços de Finanças avancem de imediato para a reversão do processo de execução fiscal, avança o «Diário Económico».

A reversão do processo de execução fiscal está prevista na lei e pressupõe a possibilidade de os administradores e gestores serem responsabilizados pelas dívidas que as suas empresas têm ao Fisco, a chamada responsabilidade tributária subsidiária.

Agência Financeira