O mercado mundial de serviços de traduções sobrepõe-se à crise financeira que atingiu várias actividades económicas e pode crescer cerca de 67 por cento até 2013, consideraram sexta-feira fontes do sector no Brasil.

«A crise afectou muitos projectos, investimentos e negócios de todo o tipo e isso fez com que as empresas deixassem de contratar serviços de tradução mas, se analisarmos a curva ascendente, podemos passar dos 15 mil milhões de dólares (10,4 mil milhões de euros) em 2008 para os 25 mil milhões em 2013 (17,4 mil milhões de euros)», afirmou Thiana Donato, presidente da empresa brasileira All Tasks.


Apesar da desaceleração económica mundial, «o mercado de traduções técnicas atravessa um momento sem igual em toda a sua história», acrescentou a empresária, fundadora da empresa pioneira e líder no sector no Brasil.

Diário Digital / Lusa