Um prisioneiro britânico foragido criou um perfil no site de relacionamentos Facebook onde deixa mensagens sobre as suas actividades para provocar a polícia.
Craig Lynch, de 28 anos, contou aos 248 amigos que acompanham a sua página que quase teve um acidente de viação por causa da neve que tem caído no país, que a sua casa é tão quentinha que parece estar nas Caraíbas, e que tem comido bifes suculentos.

Craig Lynch foi condenado a uma pena de sete anos de prisão por assalto e a sua sentença estava quase no fim quando fugiu da prisão aberta de Hollesley Bay, em Suffolk, em Setembro.

A polícia lançou um apelo aos amigos de Lynch no Facebook para que denunciem o seu paradeiro.

Uma porta-voz disse que os polícias encarregues do caso estão a fazer análises detalhadas para saber se o homem que identificaram na página é o prisioneiro foragido.

«Nós também estamos a usar as informações que temos e qualquer coisa que apareça no site para tentar localizá-lo.» Uma fotografia na página mostra Lynch olhando para a câmara e levantando um dedo num aparente gesto de desafio.Um porta-voz do Facebook disse que os operadores do site estão cientes da existência da página de Lynch e trabalham com a polícia para tentar encontrá-lo.


dd.