1. #1
    Avatar de migel
    Registo
    Sep 2006
    Idade
    61
    Posts
    15.631

    Padrão Tentativa de atentado em voo Amesterdão-Detroit

    Tentativa de atentado em voo Amesterdão-Detroit




    Um homem tentou ontem detonar um explosivo a bordo de um voo da Delta Airlines, que fazia a ligação entre Amesterdão, capital da Holanda, e Detroit, nos EUA. O suspeito disse aos interrogadores ser membro da Al-Qaeda, informação confirmada pelos dados dos serviços de informação norte-americanos. A Presidência dos EUA já considerou o acidente como "uma tentativa de atentado".
    O avião Northwest Airlines 253 transportava 278 passageiros entre a Europa e os EUA. O incidente ocorreu na altura da aterragem, às 12:00 horas locais, 17:00 em Lisboa. Um passageiro “causou problemas” tentando acender o que parecia ser petardos (um congressista republicano revelou à Fox News que se tratou de um "dispositivo sofisticado"), disse um porta-voz da Delta Airlines, proprietária da Northwest Airlines. “O passageiro foi imobilizado imediatamente. A Delta colabora com o inquérito das autoridades”, disse Susan Elliott.
    Um dos passageiros disse à WDIV, afiliada da cadeia televisiva CNN, que a explosão foi pequena e soou como o rebentamento de um balão, mas isso foi suficiente para instalar o pânico a bordo, no momento da aterragem. O suspeito ficou ferido e teve de ser assistido devido às queimaduras que sofreu, que não foram mais graves porque um passageiro se apressou a abafar as chamas.
    “O Presidente foi informado acerca do incidente desta manhã, entre as 9:00 e as 9:30, hora do Havai [local onde Barack Obama se encontra de férias]”, adiantou Bill Burton, porta-voz adjunto da Casa Branca. “O Presidente convocou de imediato uma conferência telefónica segura com John Brenan, o seu conselheiro para a segurança interna e o contra-terrorismo, e com Denis McDonough, o secretário-geral do NSS”, o serviço nacional de segurança dependente da polícia federal, explicou Burton.
    Obama “ordenou que sejam tomadas todas as medidas necessárias para reforçar a segurança das viagens aéreas. O Presidente acompanha de perto a situação e é regularmente informado”.
    Um porta-voz do FBI (Federal Boreau of Investigation, polícia federal) de Detroit disse à AFP que foi aberto um inquérito. Citando um memorando federal, a CNN adiantou que o suspeito disse aos investigadores que foi no Iemén que adquiriu o explosivo e recebeu as indicações sobre como o usar.
    Syed Jafry, nigeriano de 23 anos, admitiu ter ligações à rede terrorista Al-Qaeda. O congressista Peter King, membro do Comité de Segurança Interna, disse à Fox News e à CNN que “o suspeito tem ligações ao terrorismo”, segundo os dados dos serviços de informação.
    Judith Sluiter, porta-voz do coordenador anti-terrorismo da Holanda, disse que o nigeriano fez escala no aeroporto de Amesterdão-Schiphol, mas não especificou vindo de onde. King adiantou que o suspeito “entrou num avião na Nigéria e fez escala em Amesterdão, com destino a Detroit”.

    DN
    Cump
    Migel

  2. #2
    Avatar de migel
    Registo
    Sep 2006
    Idade
    61
    Posts
    15.631
    Acção de passageiro nigeriano foi tentativa falhada de ataque terrorista - autoridades

    Autoridades norte-americanas consideraram "ataque terrorista falhado" a acção de um passageiro nigeriano que, declarando obedecer à Al Qaeda, accionou na sexta-feira um engenho explosivo num avião da Northwest Airlines que preparava aterragem em Detroit, Michigan.

    O voo 253, com 278 passageiros a bordo, estava a 20 minutos do aeroporto quando se ouviu um som de bombinha de Carnaval, disseram testemunhas.
    Um passageiro saltou sobre outros e tentou subjugar o suspeito que, pouco depois, foi levado para as filas da frente com as calças rasgadas e as pernas com queimaduras.
    A Casa Branca declarou considerar que tinha sido uma tentativa de acto terrorista e que foram rapidamente impostas medidas apertadas de segurança às viagens de avião, não tendo especificado quais.
    Funcionários dos serviços de segurança identificaram o suspeito como Umar Farouk Abdul Mutallab, informando que o próprio declarara ter recebido instruções da Al Qaeda para provocar a explosão no avião em território norte-americano.
    "Soou como bombinha de Carnaval a estoirar dentro de um fronha de almofada", disse Peter Smith, um passageiro vindo da Holanda. "Primeiro houve um estalido e depois apareceu fumo."
    Smith disse que o passageiro que agiu prontamente contra o suspeito trepou sobre outros passageiros, avançou pelo corredor e tentou neutralizar o suspeito, aparentemente tendo também ficado queimado.
    O incidente fez lembrar o protagonizado por Ricgard Reid, em 2001, que tentou destruir um voo transatlântico com explosivos escondidos nos sapatos, tendo sido neutralizado e condenado a prisão perpétua.


    DN
    Cump
    Migel

  3. #3
    Avatar de maioritelia
    Registo
    Aug 2008
    Posts
    7.910

    Padrão EUA: Acção de passageiro foi tentativa falhada de atentado

    Autoridades norte-americanas consideraram «ataque terrorista falhado» a acção de um passageiro nigeriano que, declarando obedecer à Al Qaeda, accionou na sexta-feira um engenho explosivo num avião da Northwest Airlines que preparava aterragem em Detroit, Michigan.

    O voo 253, com 278 passageiros a bordo, estava a 20 minutos do aeroporto quando se ouviu um som de bombinha de Carnaval, disseram testemunhas.

    Um passageiro saltou sobre outros e tentou subjugar o suspeito que, pouco depois, foi levado para as filas da frente com as calças rasgadas e as pernas com queimaduras.

    Diário Digital / Lusa

  4. #4
    Avatar de delfimsilva
    Registo
    Oct 2006
    Posts
    29.650

    Padrão Aeroportos europeus e norte-americanos reforçam segurança

    A tentativa falhada de um atentado num avião que fazia a ligação entre Amesterdão e Detroit, nos Estados Unidos, levou os aeroportos norte-americanos e europeus a reforçarem a segurança.

    A polícia britânica está agora a averiguar o contexto desta tentativa, promovida por um nigeriano que alega pertencer à Al-Qaeda. Sabe-se já, através de algumas buscas relacionadas com o caso, que o suspeito terá estudado em Londres.


    <lusa>

  5. #5
    Avatar de migel
    Registo
    Sep 2006
    Idade
    61
    Posts
    15.631
    Nigeriano suspeito de atentado tinha visto dos EUA válido

    O nigeriano alegadamente ligado à Al-Qaida que sexta-feira tentou explodir um avião durante um voo entre Amesterdão e Detroit apanhou um voo na Nigéria, com um visto norte-americano «válido», anunciaram hoje as autoridades holandesas.

    «O homem chegou de Lagos ao Aeroporto de Schipol (Amesterdão) e comprou um bilhete de voo para Detroit (EUA)», de acordo com um comunicado dos serviços do Coordenador Nacional contra o Terrorismo, em Haia.
    «O nigeriano apresentou um visto norte-americano válido», acrescentou o comunicado.

    Diário Digital / Lusa
    Cump
    Migel

  6. #6
    Avatar de migel
    Registo
    Sep 2006
    Idade
    61
    Posts
    15.631
    Londres negou visto de entrada ao presumível terrorista

    A Grã-Bretanha recusou este ano um visto a Umar Faruk Abdulmutallab, o nigeriano que fez deflagrar uma bomba artesanal num avião com destino aos Estados Unidos, informou hoje fonte oficial em Londres.

    Abdulmutallab, 23 anos e filho de um banqueiro nigeriano, concluiu um curso de engenharia na University College de Londres (UCL) em 2008 e este ano solicitou um novo visto, segundo a agência Press Association.
    Contudo, o Serviço de Fronteiras do Reino Unido rejeitou o pedido ao verificar que o presumível terrorista pretendia o visto para se matricular num falso curso.
    Diário Digital / Lusa
    Cump
    Migel

Tópicos Similares

  1. Amesterdão
    Por Freundlich no fórum Geografia Fisica
    Respostas: 0
    Último Post: 24-02-2008, 19:18

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •  

Conectar

Conectar