Homem que destruiu esquadra e carro-patrulha da PSP de Queluz internado em Psiquiatria
Brasileiro nu diz que foi chamado por Deus


Adinelson Xavier, o homem de 36 anos que anteontem à noite surgiu completamente nu em Queluz e destruiu parte da esquadra e um carro-patrulha da PSP local quando já estava algemado, está internado no serviço de psiquiatria do hospital Amadora-Sintra.

As análises a que foi submetido após a detenção revelaram que o manobrador de máquinas brasileiro não consumiu álcool ou drogas e ninguém consegue explicar o que motivou o insólito comportamento. "Ele foi-me deixar ao trabalho e voltou para casa. Meia hora depois ligaram-me a contar o que tinha acontecido. Ainda não compreendo o que aconteceu", disse ontem ao CM a mulher, Giselle.

"Quando falei com ele no hospital, disse-me que tinha sido Deus que o tinha vindo buscar. A ele e à filha [de 16 anos]", acrescenta Giselle, garantindo que Adinelson, que está há nove anos em Portugal, nunca teve problemas semelhantes anteriormente.


Fonte Correio da Manhã