O Presidente são-tomense, Fradique de Menezes renunciou hoje ao cargo de presidente do Movimento Democrático Forças da Mudança - Partido Liberal (MDFM-PL), recusando que esta decisão se deva a «qualquer tipo de pressão».

«Tomo a decisão de anunciar aqui que delego todos os poderes do presidente do MDFM ao Sr. vice-presidente do partido enquanto for presidente da Republica», disse Fradique de Menezes durante uma conferência de imprensa realizada hoje no palácio presidencial.

Fradique de Menezes, que foi eleito líder do partido liberal a 19 de Dezembro último, disse que já comunicou a sua decisão aos «militantes, simpatizantes e amigos do MDFM» em carta datada de hoje, sublinhando que a renúncia ao cargo de líder do partido liberal não se deveu «a qualquer tipo de pressão».

Diário Digital / Lusa