Indivíduo detido tem 48 anos
PJ desmantela grupo que roubou mais de 300 mil euros


A Polícia Judiciária (PJ) deteve um homem acusado dos crimes de contrafacção de cartões bancários de crédito, burla informática e passagem de moeda falsa.




A investigação levada a cabo pela PJ durante quatro meses culminou na detenção do indivíduo de 48 anos e na apreensão de dinheiro, documentação diversa e material informático, bem como na constituição de mais dois arguidos.

O ‘modus operandis’ do grupo passava por copiar os dados de cartões bancários de entidades financeiras estrangeiras para posterior uso em compras de bens e serviços e em transações em casinos. Estima-se que esta actividade criminal tenha resultado em movimentos bancários cujo valor ultrapassa os 300 mil euros.



O indivíduo já foi presente a tribunal tendo-lhe sido aplicada a medida de coacção de prisão preventiva.


Fonte Correio da Manhã