1. #1
    Avatar de mirror
    Registo
    Mar 2007
    Idade
    59
    Posts
    23.548

    Padrão Casa Pia - Carlos Cruz colocou no site vídeos do processo



    Imagens mostram reconstituições do tribunal na casa de Elvas e noutros locais mencionados pelos menores que acusam o apresentador.

    Carlos Cruz colocou no seu site vários vídeos constantes do processo Casa Pia. Os vídeos, que mostram reconstituições do tribunal com os menores que acusam o apresentador de abuso sexual, contêm ainda anotações, do próprio Carlos Cruz, que assinala as diferenças entre o que as testemunhas terão dito em tribunal e o que afirmaram durante as reconstituições.

    No site, Carlos Cruz começa por dizer que, «na ausência em Portugal de um bom jornalismo jurídico e de investigação, as notícias que foram sendo divulgadas ao longo destes quase 8 anos nunca reflectiram nem a verdade do que se encontra no processo nem o que se passou na fase de instrução nem no julgamento». «As próprias violações do segredo de Justiça, em 2002 e 2003, foram todas cirurgicamente seleccionadas para criar na opinião pública a ideia da minha culpabilidade», acusa.

    «Calei-me durante todo o julgamento e, apenas quando me convenci de que o Tribunal já tinha uma decisão tomada, resolvi começar a aceitar pedidos de entrevistas e começar a colocar à disposição de todos tudo o que têm direito a saber», explica depois.

    O site disponibiliza depois «as imagens que Portugal nunca viu, que estão no processo e que foram gravadas pelo próprio Tribunal. São provas que decorrem de diligências requisitadas ao Tribunal pelas defesas dos arguidos».


    Nos primeiros vídeos, surgem na casa de Elvas, «FG e JPL, as duas principais testemunhas deste processo, os tais cujas imagens foram amplamente divulgadas pela TVI na altura da minha prisão», explica. E coloca mesmo um link para o perfil de cada um dos menores que o acusa.

    Carlos Cruz assinala as divergências encontradas na reconstituição, em relação ao que tinha sido dito em tribunal e diz mesmo que um dos menores já tinha estado na casa de Elvas acompanhado por uma jornalista.

    O terceiro vídeo gravado no Teatro Vasco Santana e o quarto, da ida de Carlos Silvino com o Tribunal ao edifício da Av. das Forças Armadas, apresentam problemas técnicos e no momento em que a tvi24.pt acedeu ao site não os conseguiu visualizar.

    Carlos Cruz adianta que abandonou o teatro em 1995, «mas a acusação coloca os abusos entre finais de 1997 e Setembro de 1999, por duas vezes». «O Ministério Público mente ao dizer que depois dessa data eu tinha acesso ao mesmo Teatro», garante, explicando que a afirmação é sustentada num «levantamento de dinheiro numa caixa do Multibanco que está junto ao portão da Feira Popular e virada para o exterior do recinto e não para o interior», num dia em que o apresentador disse ter ido almoçar com a família «antes de ir assistir a um jogo Sporting- Benfica».

    Também o quinto vídeo, mostrando as imagens divulgadas quando o apresentador foi preso, e o sexto com o Inspector-Chefe Dias André, não puderam ser visualizados.

    tvi24
    Última edição por mirror; 04-09-2010 às 18:20.

Tópicos Similares

  1. Site de Carlos Cruz com mais de 4 mil visitas
    Por LadyLaura no fórum Arquivos
    Respostas: 0
    Último Post: 14-06-2010, 12:06
  2. Haiti: Site da Cruz Vermelha ajuda a localizar pessoas
    Por maioritelia no fórum Arquivos
    Respostas: 0
    Último Post: 14-01-2010, 15:47
  3. Respostas: 0
    Último Post: 09-01-2009, 11:01

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •  

Conectar

Conectar