A ACAP (Associação Automóvel de Portugal) vai lançar um programa de certificação para empresas de reparação automóvel chamado “Oficina de Confiança”.

O anúncio foi feito durante a conferência “O mercado pós-venda em Portugal – Estratégias para o futuro” onde foram também apresentados alguns dados novos sobre a reparação automóvel e a venda e distribuição de peças em Portugal.

Tal como acontece noutros sistemas semelhantes, uma oficina que se queira certificar terá primeiro uma auditoria e depois poderá receber o certificado passado pela associação.

O Programa Oficina de Confiança tem níveis de certificação. O primeiro corresponde aos requisitos básicos que uma oficina deve ter. Já o segundo tem a ver com a organização dessa oficina e a terceira se ela tem já estrutura de CRM e marketing.

Os benefícios para as oficinas serão o facto de passar a pertencer a uma marca de confiança no mercado e conseguir publicidade. Mas as empresas de peças também podem beneficiar com este programa. “Maior negócio para as oficinas significa mais negócio para o sector de peças”, explicou Fernando Ramirez, da Viragem, que foi o orador convidado para apresentar este programa da associação.

A ACAP assume que os clientes escolhem as oficinas por causa da confiança. “Tudo o que se pode fazer para credibilizar este sector é um ganho para todos”, disse Francisco Ramirez. “E a confiança conquista-se pela qualidade, transparência e tempo para relacionamento”, acrescentou.

Jornal das oficinas