Três pessoas ficaram com ferimentos ligeiros na sequência de um acidente ferroviário que ocorreu, às 13.35 horas de hoje, sexta-feira, na passagem de nível perto da Herdade da Apariça, em São Matias, no concelho de Beja.

O acidente ocorreu cerca das 12.50 horas, quando a automotora que fazia a ligação Casa Branca-Beja, na Linha do Alentejo, embateu na traseira de um pesado de mercadorias, que transportava areia, e que se encontrava parado na via férrea.

Os feridos são o condutor da automotora, natural de Beja, de 41 anos, e os dois ocupantes da pesado de mercadorias, o condutor de 30 anos, natural de Vila Nova de Baronia e uma idosa, de 67 anos, natural de Faro do Alentejo, que viajava à boleia. Todos foram conduzidos para o Hospital de Beja, mas tiveram alta pouco depois, após serem observados.

Na automotora, além do condutor, viajavam mais 11 pessoas, o revisor e dez passageiros. Todos saíram ilesos do acidente.
Segundo fonte dos bombeiros, a passagem-de-nível, que encurta a ligação entre Beja e Cuba por estrada secundária, tem dois portões que têm que ser abertos para que as viaturas possam passar. O condutor do pesado terá aberto um dos portões e passou com a viatura, ficando a mesma parada sobre a via férrea até abrir o segundo portão. Terá sido neste lapso de tempo que o automotora embateu no pesado.

Ao JN, Carlos Pica, segundo-comandante da Protecção Civil de Beja, referiu que "o acidente poderia ter tido consequências muito graves".

A Refer fretou três táxis que fizeram o transporte dos passageiros e do revisor para a Estação de Beja.

JN