No início de Outubro, os artigos em português dos candidatos à presidência no Brasil - Dilma Rousseff (PT) e José Serra (PSDB) - na Wikipédia (pt.wikipedia.org), a enciclopédia online, tiveram a edição restrita por administradores do site - normalmente, qualquer um pode editar.
Ambos os artigos estão enquadrados como «semi-protegidos» e apenas utilizadores registados há quatro dias e que já tenham feito dez edições podem realizar novas alterações. O motivo: vandalismo excessivo.

O artigo de Dilma Rousseff foi protegido no dia 5, após a candidata ser taxada de «traficante», entre outras edições - a restrição expira a 5 de Novembro. Já a página de José Serra teve o nome trocado para «José Pedágio» antes de sofrer a moderação, a 4 de Outubro.

«Geralmente, na altura de eleições, partidários acedem à Wikipédia para promover o seu candidato ou mesmo difamar os opositores», afirma Richard Melo, relações públicas da Wikipédia lusófona.

Melo sublinha que o vandalismo não se limita aos artigos de política: «Em finais de campeonatos de futebol, os artigos dos clubes participantes e dos campeonatos sofrem mais vandalismos por parte de adeptos, sejam rivais a dizer mal da equipa, sejam fãs do próprio clube».


sapo.pt
_______