1. #1
    Avatar de aiam
    Registo
    May 2007
    Posts
    4.596

    Padrão Sequestro em igreja de Bagdade acaba com sete mortos


    O Governo iraquiano deu conta de um sequestro, este domingo à tarde, numa igreja cristã de Bagdade. Morreram pelo menos sete pessoas e 13 ficaram feridas, segundo os números apresentados por fonte do ministério da Defesa.

    As vítimas foram provocadas por confrontos entre as forças de seguranças e os sequestradores e pela explosão de um carro-bomba. No edifício, no centro da cidade, estavam cerca de 40 pessoas, segundo a mesma fonte, e cerca de cem, segundo o exército.


    abola
    ______

  2. #2
    Avatar de florindo
    Registo
    Oct 2006
    Posts
    38.362

    Padrão Pelo menos 47 mortos em ataque a igreja em Bagdad

    Forças de segurança iraquianas invadiram uma igreja siríaca católica em Bagdad, onde militantes da al-Qaeda tinham feito no domingo refém uma congregação inteira, causando pelo menos 47 mortos, incluindo um padre, disseram hoje entidades oficiais iraquianas.

    Autoridades oficiais disseram que pelo menos um padre e dez polícias estavam entre os mortos e que muitos dos 62 feridos eram mulheres.

    Não foi esclarecido quantos reféns morreram nas mãos dos atacantes ou durante o resgate.

    A informação foi prestada pela polícia e por funcionários dos hospitais que receberam os mortos e os feridos, que falaram sob condição de anonimato por não estarem autorizados a falar com a imprensa.

    Os relatos apresentaram um balanço diferente acerca do número de atacantes envolvidos no assalto, com o porta-voz militar de Bagdad, major general Qassim al-Moussawi, a indicar que no domingo à noite as forças de segurança mataram oito atacantes, enquanto que os militares dos EUA disseram que morreram entre cinco e sete.

    Dois polícias no local, porém, afirmaram que apenas três atacantes foram mortos e outros sete foram posteriormente detidos.

    O incidente começou quando militantes com coletes suicidas e armados com granadas atacaram a bolsa iraquiana ao fim da tarde de domingo, antes de voltarem a sua atenção para a principal igreja católica de Bagdad, a de Nossa Senhora do Livramento, tendo feito reféns cerca de 120 cristãos.

    Uma declaração enigmática publicada num site no domingo à noite, supostamente pelo Estado Islâmico do Iraque, grupo ligado à al-Qaeda, reivindicou a responsabilidade pelo ataque.

    O grupo, ligado à al-Qaeda no Iraque, disse que iria "exterminar os cristãos no Iraque", se as mulheres muçulmanas no Egipto não foram libertadas.

    O grupo menciona especificamente duas mulheres no Egipto que afirmam terem convertido ao Islão e que estão detidas contra a sua vontade.

    No entanto, os cristãos do Egipto argumentam que elas tinham sido raptadas e posteriormente libertadas pela polícia e levadas para mosteiros distantes, tendo negado qualquer conversão.

    Os cristãos iraquianos, que têm sido alvos frequentes de insurgentes sunitas, deixaram em massa o país desde a guerra de 2003 liderada pelos EUA: representavam 2,89% da população em 1980 e em 2008 eram apenas 0,89%.

    JN




Tópicos Similares

  1. Sete jovens detidos por sequestro em Lisboa
    Por Matapitosboss no fórum Arquivos
    Respostas: 0
    Último Post: 07-03-2010, 21:14
  2. Respostas: 0
    Último Post: 08-12-2009, 09:56
  3. Respostas: 2
    Último Post: 25-10-2009, 21:13
  4. Respostas: 0
    Último Post: 10-08-2009, 18:00
  5. Respostas: 0
    Último Post: 05-07-2009, 09:44

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •  

Conectar

Conectar