Página 15 de 44 Primeiro ... 514 15 1625 ... Último
  1. #211
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Francisco Pita capotou


    Francisco Pita arrancou hoje para a primeira etapa do rally Dakar Argentina Chile com problemas nas comunicações e no GPS do Toyota Land Cruiser, mas ainda assim a dupla, decidiu dar início a esta primeira etapa, partindo para o terreno sem o auxílio dos instrumentos de navegação. Uma opção com riscos e que aumentou as dificuldades da etapa:

    Segundo o presidente da Federação de Jet Ski, e piloto já com experiência nas corridas todo o terreno, Francisco Pita, havia uma outra avaria "Era uma coisa estranha. Cada vez que travava, ouvíamos um alarme esquisito". Após uma primeira fase a rolar a bom ritmo, o piloto teve uma saída de pista, dando várias cambalhotas no seu Toyota, não ganhando para o susto. Conseguiu no entanto recuperar do precalço e regressar à corrida, tendo chegado 2h23m50s depois do primeiro classificado.AS

  2. #212
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Elisabete Jacinto em bom plano


    Elisabete Jacinto aproveitou ao máximo a rapidez da especial e alcançou assim a 11ª posição, tendo à sua frente apenas as grandes "bombas" dos camiões. A piloto do Team Oleoban MAN Portugal, juntamente com os seus companheiros de equipa, Álvaro Velhinho e Marco Cochinho, conquistou um bom resultado, iniciando da melhor maneira este Dakar Argentina Chile 2009. "A etapa de hoje caracterizava-se por enormes rectas, com vala de um lado e do outro com cercas a separar o terreno cultivado. De vez em quando lá aparecia uma curva a maioria das vezes não assinaladas no road book, mas quando víamos pessoas lá estava uma curva. Atingi muitas vezes os 140 km/h, apesar da pista ser bastante estreita", referiu Elisabete Jacinto, que acrescenta: "Não foi uma especial difícil, mas era muito traiçoeira com algumas valas em que era necessário ter muito cuidado. Talvez por isso vimos tantos carros e também alguns camiões parados. Estou muito satisfeita com o resultado mas ainda poderia ter sido um pouco melhor porque andei durante algum tempo atrás de um concorrente que demorou a deixar-nos passar embora fosse bastante mais lento ", salientou a piloto.
    AS

  3. #213
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Hélder Rodrigues: "O pneu traseiro estava no limite"


    Hélder Rodrigues teve um primeiro dia de prova muito difícil no Rally Dakar Argentina-Chile, pois o desgaste excessivo do pneu traseiro impediu uma classificação que estava ao seu alcance, junto com os pilotos da frente. Terminou na 16ª posição a etapa que ligou Buenos Aires a Santa Rosa de la Pampa.

    Com a largada de etapa a ser dada ainda antes das oito da manhã, as motos foram os primeiros participantes a descobrir os terrenos rectilíneos do novo Dakar, que caracterizaram a primeira especial de 371 quilómetros. Sendo o quinto participante a largar, Hélder Rodrigues até tinha iniciado o dia em boa forma ao conseguir defender a quinta posição até ao quilómetro 248, que marcara a passagem pelo último check-point da etapa.

    Registando a sexta posição no CP1, a menos de seis minutos do espanhol Marc Coma, vencedor da etapa, o piloto do Lagos Team ganhou ânimo numa especial bastante veloz, alcançando a quinta posição nos dois check-points seguintes, até verificar um desgaste num pneu, que obrigou o piloto a abrandar bastante o ritmo e a terminar no 16º lugar que não espelha as potencialidades do piloto de Sintra.

    "Após o CP3, quando já estava no reabastecimento reparei que tinha o pneus traseiro completamente gasto, estava no limite de se desfazer. Por isso não tive outra hipótese senão abrandar para conseguir chegar até ao final. Ésta é uma situação que não me vai desanimar, porque sei aquilo que consegui andar hoje."AS

  4. #214
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão João Rosa na 54ª posição


    O pó foi a principal dificuldade para os pilotos na etapa que marcou o regresso do Dakar às pistas, dois anos depois. João Rosa esteve em bom plano e ultrapassou 37 concorrentes durante o percurso, terminando o dia na 54.ª posição.

    Dos 217 concorrentes à partida, apenas 212 terminaram a etapa que ligou Buenos Aires a Santa Rosa de la Pampa, com 733 quilómetros, dominada pelo vencedor de 2006, o espanhol Marc Coma, em KTM 690. O piloto de Viana do Castelo teve, assim, um difícil baptismo na maior prova do todo-o-terreno mundial.

    "Foi muito complicado fazer ultrapassagens devido ao pó. Arranquei juntamente com o Bianchi Prata e com o Luís Ferreira, mas apanhámos muitos pilotos mais lentos e foi difícil fazer as ultrapassagens. Estava muito pó e quase nem conseguíamos ler o road book", explicou João Rosa, "muito satisfeito" pela sua estreia no Dakar.

    Apesar de ter recuperado 37 posições no terreno, o piloto da WR450F não estava satisfeito com a sua prestação. "Era uma tirada ideal para as KTM, mais potentes. Parecia uma autoestrada em areia. Tinha uma ideia diferente desta prova", conclui.

    O rali Dakar, que vai na sua 31.ª edição, tem amanhã a segunda etapa, entre Santa Rosa de la Pampa e Puerto Madryn, com 237 dos 837 quilómetros de tirada a serem realizados ao cronómetro.

    Classificações:
    1.º Marc Coma (KTM) 2h46m17s... 54.º João Rosa (Yamaha) a 57m52s
    AS

  5. #215
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Adélio Machado: "Fomos prudentes e muito consistentes"


    Eram precisamente, 11h26m30s quando Adélio Machado e Laurent Flament partiram para a grande aventura do "novo" Dakar que começou hoje em Buenos Aires e levou a caravana até Santa Rosa de la Pampa, numa extensão de 773 quilómetros, dos quais 371 foram percorridos nas mais rápidas planícies das pampas argentinas.

    Para primeiro aperitivo, ao contrário do Dakar africano, não houve uma etapa curta, mas sim, a maior alguma vez apresentada aos concorrentes no início de um Dakar: "e, bastante rápida com muita variedade de piso, terra areia, um misto de terra com pedra, enfim, o importante mesmo foi terminar e perder o menos tempo possível para os mais directos concorrentes no agrupamento T2" começou por contar o piloto da Padock Competições bastante agradado pelo resultado obtido nesta primeira etapa: "como diz o ditado "a procissão ainda vai no adro", quer dizer que o Dakar só hoje começou. Esta foi uma etapa muito rápida, com muitas rectas e com muito pouco trabalho, apenas tivemos que evitar o maior desgaste do carro e o muito pó em algumas zonas do percurso. Fomos prudentes e muito consistentes ao longo de toda a etapa, evitando os problemas ou "ratoeiras" do traçado que nos pudessem surgir. Já na parte final do troço cronometrado o carro perdeu um pouco de velocidade de ponta, certamente, pelo muito pó que apanhamos na ultrapassagem a alguns concorrentes. Tirando isso, tudo se passou normalmente numa equipa que sabe aquilo que quer, vencer!"

    Adelio Machado terminou a etapa de hoje na 85ª posição da geral, a 1h02m27s do vencedor, o piloto do Quatar Nasser Al-attiyah em BMW X3.

    AS

  6. #216
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Martine Pereira : "Foi uma etapa estupenda"


    Três dias depois de assentar malas e bagagens na capital argentina, Martine Pereira teve o seu grande dia logo na etapa inaugural do Dakar em solo sul-americano.

    A abrir as hostilidades em Buenos Aires, uma especial com perto de quatrocentos quilómetros cronometrados em pistas super rápidas e por vezes, traiçoeiras para os menos precavidos e atentos. A dupla da Padock Competições - Martine Pereira/José Marques não se encolheu com a estreia e rapidamente assumiu um andamento forte e muito eficaz, ao terminar a etapa inaugural na 69ª posição da geral. O piloto de Famalicão, já no final, desabafava: "foi uma etapa estupenda, até já parecia que tinha anos disto! O resultado para um estreante é extraordinário, não senti qualquer dificuldade de adaptação e, no final fiquei surpreendido comigo próprio, tudo parecia fácil com a preciosa e valiosa colaboração do José Marques, o melhor navegador do Mundo!"

    Mais habituado aos circuitos, o piloto de Famalicão do PTCC, estava precavido com os mais imprevisíveis contratempos que esta prova pode causar logo na à partida: "sabia que não podia manter o mesmo ritmo ao longo de toda a especial, tal como o faço na velocidade, por isso fui evoluindo e mantendo uma cadência certa, sempre atento às circunstâncias que o piso apresentava, com rectas enormes e de quando em vez, valas e cercas. Quando vezes lá íamos nós a mais de 150 km/h mesmo não sendo o Toyota um carro muito rápido. Sem querer entrar em euforias, mantenho a pretensão de terminar entre os dez mais do agrupamento T2" afiançou o piloto da Padock Competições.

    AS

  7. #217
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Luís Ferreira foi 40º e Bianchi Prata 79º


    A equipa Bianchi Prata/CIN, de Luís Ferreira e Pedro Bianchi Prata tinha como objectivo na primeira etapa chegar o mais possível à frente de modo a beneficiarem de uma melhor ordem de partida para o segundo dia, de modo a não terem tantos problemas com ultrapassagens e com o pó.

    E foi exactamente isso que os dois motards fizeram, já que Luís Ferreira terminou o dia na 40ª posição, enquanto Pedro Bianchi Prata foi 79º: "Parti muito atrás portanto o meu objectivo era ultrapassar o máximo de concorrentes para partir amanhã num lugar mais à frente. Foi um começo complicado porque havia muito pó. É o primeiro dia, deu para perceber um pouco sobre o clima que vamos ter que enfrentar e o tipo de piso que nos espera nas etapas seguintes.", referiu Luís Ferreira.

    Para Pedro Bianchi Prata (79º), a hora e de adaptação: "Acho que para o primeiro dia correu bem. Houve pouca navegação, a pista estava marcada por fitas. É um piso diferente e nesta fase, adaptar-nos ao calor e ao piso é mais importante que disputar os lugares da frente. Parti conforme o meu número oficial, que é o 92, ultrapassei os que pude, mas com o muito pó largado pelos participantes da frente, não foi fácil."

    Amanhã, a equipa Bianchi Prata/CIN partirá para a etapa mais longa da prova. Apesar de uma distância total de 837km entre Santa Rosa e Puerto Madryn, esta 2ª etapa não será a mais dura. Depois de um início com um piso rápido, os pilotos terão que enfrentar uma parte de areia em que um cuidado especial à navegação será essencial para acabar a etapa entre os da frente.

    AS

  8. #218
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Argentina - Chile Dakar 2009 - VÍDEO 1ª Etapa


  9. #219
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Carlos Sainz líder provisório


    Carlos Sainz é o novo líder provisório do Argentina-Chile Dakar 2009, já que o vencedor da etapa de ontem, Nasser all Attiyah teve problemas, que o atrasaram à passagem pelo segundo controlo horário do dia.
    Carlos Sainz líder provisório -

    O piloto do Qatar, que ontem tinha conseguido uma vantagem de mais de dois minutos sobre o segundo classificado, Carlos Sainz, desta feita caiu para quarto, restando agora saber se os problemas que o atrasaram farão que acumule mais perdas até ao final da etapa.

    Giniel de villiers é agora segundo classificado, dando assim uma dobradinha provisória à VW. Stéphane Peterhansel, com o novo Mitsubishi Racing Lancer, lidera apé CP2, facto que lhe permite, provisoriamente, claro está, ser terceiro atrás dos homens da VW.

    AS

  10. #220
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Marc Coma destacado na frente, Verhoeven vence etapa


    O holandês Frans Verhoeven foi o vencedor da segunda etapa do Argentina-Chile Dakar 2009, com 41 segundos de vantagem para Cyril Déspres. Com estes resultados, Verhoeven salta de quarto para segundo, atrás de Marc Coma, que apesar do atraso de hoje - perdeu cerca de 12 minutos - mantém a liderança, depois da fabulosa etapa de ontem.
    Marc Coma destacado na frente, Verhoeven vence etapa -

    O espanhol da KTM lidera agora com uma vantagem de 13m47 sobre Verhoven, com o norte americano J. Street e o francês D. Fretigne um pouco mais atrás. O outro dos grandes favoritos, Cyril Déspres, é apenas 12º a 30 minutos do líder, tudo por causa, como se sabe, dos problemas de pneus da etapa de ontem.

    Paulo Gonçalves na frente dos portugueses

    Entre os portugueses, Paulo Gonçalves foi hoje o mais rápido, na 19ª posição, caindo para a mesma posição na geral. A queda de Hélder Rodrigues foi semelhante, já que hoje foi apenas 20º, descendo assim para a 20ª posição.

    Luís Ferreira caiu da 40ª para a 49ª posição, enquanto João Rosa passou a ser 57º. Pedro Bianchi Prata, ao contrário dos seus conterrâneos, subiu na classificação e é agora 66º. Relativamente a Pedro Oliveira, assim que possível informaremos a razão de não surgir na classificação de momento.AS

  11. #221
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Criança atropelada sem gravidade


    A exemplo do que muitas vezes - infelizmente - sucedeu em África, o primeiro dia do Argentina-Chile Dakar ficou também marcado por um acidente envolvendo uma criança de oito anos, que fracturou uma perna ao ser atingido por um dos carros da caravana.

    A criança, de imediato transportada para o Hospital local, não corre risco de vida. Curiosamente, este não foi o primeiro incidente na prova, já que na sexta-feira, durante a partida simbólica, um carro de pilotos argentinos bateu numa senhora, que teve ferimentos leves.

  12. #222
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Hiroshi Masuoka é a primeira baixa de vulto


    Tal como era esperado depois do grave problema de motor durante a etapa de ontem, Hiroshi Masuoka (Mitsubishi) é a primeira grande baixa de vulto do Argentina-Chile Dakar 2009. Depois de Guérlain Chichérit perder sete horas na etapa de ontem devido a um problema com a supensão do seu BMW X3, hoje foi a vez da confirmação da desistência para um dos pilotos top presentes na prova.
    Hiroshi Masuoka é a primeira baixa de vulto -

    Na estreia do novo Mitsubishi Lancer Racing, a quebra do motor do carro do japonês foi um grande balde de água fria para a marca nipónica, que logo a abrir perde um dos seus quatro carros.

    Tudo se passou cerca do quilómetro 190 da especial de ontem, quando o motor do Racing Lancer se calou, obrigando Masuoka a esperar pelo carro "vassoura", de modo a chegar à assistência, onde os mecânicos concluíram que seria impossível reparar a grave avaria de motor e transmissão.

    Para Luc Alphand, a sua equipa "ainda tem muito que aprender com o novo carro. Os três primeiros dias serão bem complicados, pelo que precisamos de ter cuidado. De qualquer forma vencer é difícil para qualquer das marcas presentes", concluiu o francês.

    AS

  13. #223
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Favoritos nas motos com problemas


    Depois do azar de ontem com Cyril Després, quem pensou que a vida ficaria tremendamente facilitada para Marc Coma enganou-se redondamente. Hoje foi a vez do espanhol perder cerca de doze minutos para o vencedor do dia, Frans Verhoeven, e mesmo mantendo uma liderança confortável, já se percebeu que as dificuldades até final irão mais do que muitas.



    Esta situação com os dois principais favoritos, acaba por ser boa para a corrida, ainda que o primeiro dia de prova tenha sido muito difícil para os homens das motos que depararam com um percurso demasiado rápido, com algumas rectas quase infindáveis, o que não foi muito bom para a saúde dos motores, e também colocou muitas dificuldades com os pneus, como foi o caso de Hélder Rodrigues.

    Curiosamente, Després voltou a ter hoje um dia difícil, já que capotou para a frente´na sequência de uma passagem sobre um arbusto. Não se magoou mas a sua moto ficou sem Iritrack e GPS, e com um "facelift" na carenagem. AS

  14. #224
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Carlos Sainz e Marc Coma lideram Dakar


    Terminado que está o segundo dia de prova, Carlos Sainz (Volkswagen) venceu a etapa que decorreu entre Santa Rosa de la Pampa e Puerto Madryn, e ascendeu ao comando da corrida.
    Carlos Sainz e Marc Coma lideram Dakar -

    O espanhol tem agora uma vantagem de 2m19s sobre o seu companheiro de equipa, Giniel de Villiers, enquanto Stéphane Peterhansel (Mitsubishi) é terceiro, já a quase quatro minutos do líder.

    O vencedor da etapa de ontem, Nasser Al Attiyah caiu para a quarta posição, já a 4m15 de Sainz, com Nani Roma (Mitsubishi) logo a seguir, na quinta posição, na frente doutro companheiro de equipa, Luc Alphand. Mark Miller é sétimo, na frente de Orlando Terranova, em BMW X3 e o melhor privado. A encerrar o top 10 está Robby Gordon, com o espectacular Hummer. Quanto aos pilotos portugueses nos autos, só mais tarde será possível informar com exactidão a sua classificação e as ocorrências da etapa.

    Marc Coma lidera nas motos

    Nas motos, outro espanhol! Apesar do atraso na etapa de hoje, Marc Coma (KTM) permanece na liderança. Cotudo, cedeu cerca de 12m30 para o vencedor da tirada, Frans Verhoeven (KTM), depois de se ter enganado no percurso.

    Nas motos, Paulo Gonçalves lidera o contingente português. O piloto da Honda foi hoje o mais rápido, terminando a etapa na 19ª posição, caindo para a mesma posição na geral. A queda na classificação de Hélder Rodrigues foi semelhante, já que hoje foi apenas 20º, descendo para a 20ª posição.

    Luís Ferreira caiu da 40ª para a 49ª posição, enquanto João Rosa passou a ser 57º. Pedro Bianchi Prata, ao contrário dos seus conterrâneos, subiu na classificação e é agora 66º. Pedro Oliveira, teve problemas e não surge na classificação.AS

  15. #225
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão "Espírito Dakar" qualquer que seja o continente...


    Apesar da mudança para a América do Sul o "espírito Dakar" continua bem presente na caravana. Tendo em conta a rapidíssima etapa de ontem, com rectas muito longas, muitos foram os pilotos, especialmente nas motos, que tiveram alguns problemas de motor e pneus.

    Foi o caso de do belga Stéphane Charlier, que parou a 5 km do final da especial, vítima de problemas de motor na sua moto. Contudo, quer seja em África ou na América do Sul, o espírito de solidariedade está sempre presente:"Consegui chegar graças ao Pierre Navarro, que me rebocou com uma correia que alguém do público arranjou.", referiu o belga.

    Já o bom samaritano, Pierre Navarro referiu que o encontrou deitado no chão: "Pensei que estava a fazer a sesta, mas ele disse-me que tinha partido o motor da sua moto. Olhei para o road book e vi que faltavam apenas 5 kms. Não fazia sentido deixá-lo ali. Este é também outro dos motivos pelo qual disputo o Dakar, pelos seus valores humanos.", referiu Navarro.
    s seus conterrâneos, subiu na classificação e é agora 66º. Pedro Oliveira, teve problemas e não surge na classificação.AS

Página 15 de 44 Primeiro ... 514 15 1625 ... Último

Tópicos Similares

  1. Passeio todo terreno
    Por cprcosta no fórum Convívios
    Respostas: 1
    Último Post: 22-12-2013, 21:55
  2. Road Books de Todo-Terreno
    Por satteam no fórum Automoveis Todo-o-Terreno
    Respostas: 7
    Último Post: 22-12-2009, 02:05
  3. Manuais de Viaturas Todo-o-Terreno
    Por F.B.I. no fórum Automoveis Todo-o-Terreno
    Respostas: 0
    Último Post: 03-01-2009, 23:03
  4. Todo o terreno
    Por Opium® no fórum Videos
    Respostas: 1
    Último Post: 26-04-2008, 23:33
  5. Todo-o-terreno no Piódão
    Por satteam no fórum Vídeos, Fotos e Eventos
    Respostas: 0
    Último Post: 28-03-2008, 00:52

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •  

Conectar

Conectar