Página 23 de 44 Primeiro ... 1322 23 2433 ... Último
  1. #331
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Francisco Pita com ânimo redobrado


    Depois de terem tido a permanência no Dakar ameaçada por uma decisão de desclassificação - entretanto anulada pelo Colégio de Comissários - Francisco Pita e Humberto Gonçalves continuam o Dakar Argentina/Chile com ânimo redobrado.

    O objectivo é chegar ao fim do maior e mais famoso rali do mundo, contornando os inúmeros obstáculos de uma edição que se está a revelar extremamente dura.

    Na confusão da etapa 7, a equipa 399 recebeu ordem de desclassificação, a par de muitas outras equipas concorrentes. Uma decisão que não convenceu os pilotos da equipa Toyota France, nomeadamente Francisco Pita, e que se apressaram a apresentar uma reclamação e um pedido de continuação em prova.

    Autorizados a continuar em prova e, depois de gozarem em pleno um merecido dia de descanso, Pita e Gonçalves lançaram-se hoje à estrada logo aos primeiros raios da manhã, rumo a La Serena, para a oitava etapa que constitui o último aquecimento, antes da entrada nas temidas dunas do Chile, conhecidas pela sua imensidão e, por isso, temidas por todos os aventureiros do todo-o-terreno.

  2. #332
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Rodrigues e Gonçalves dentro do top 10


    Depois de um início cauteloso, os motards lusos Hélder Rodrigues e Paulo Gonçalves parecem estar a recuperar alguns lugares ao longo da etapa, com o piloto da Lagos Team a passar em sexto ao km 131 e o da Repsol Honda a passar em oitavo.
    Rodrigues e Gonçalves dentro do top 10 -

    Os dois portugueses rodam bastante perto um do outro, com cerca de um minuto a separá-los. Hélder Rodrigues estava a 10m56s do mais veloz naquele ponto, que era Frétigné, ao passo que Gonçalves estava a 12m08s.

    Na frente, estava Fretigné, ao passo que o líder da geral, Marc Coma, passou em quinto, a 6m32s.

    Mais longe estava então Pedro Bianchi Prata, que desceu para 58º, a 49m49s do lider.

  3. #333
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Volkswagen continuam na frente


    A Volkswagen continua a colocar os seus carros de forma sistemática nos lugares de topo do Dakar Argentina-Chile.
    Volkswagen continuam na frente -

    À passagem do CP3, ao km 235, Mark Miller era o mais veloz, na frente do seu companheiro de equipa e líder da geral, Carlos Sainz, a 4m31s de distância.

    Atrás da dupla da VW surge outro carro germânico, mas um BMW, piltoado pelo sul-americano Orlando Terranova, a 06m03s.

    Na posição seguinte, mais um BMW, este pertença do russo Novitskiy, este a 8m00s. Robby Gordon, com o Hummer, era o quinto, logo na frente de Giniel de Villiers.

    Os portugueses ainda não passaram naquele ponto. No entanto, à passagem do km 131, Francisco Inocêncio vinha a efectuar uma excelente prestação, classificando-se em 20º, a 33m30s do primeiro, que na altura já era Miller. Leal dos Santos não vinha muito longe, surgindo em 29º, a 41m13s. Francisco Pita era 73º, Martine Pereira 74º e Adélio Machado 78º.

  4. #334
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Frans Verhoeven vence etapa; portugueses em destaque


    O holandês Frans Verhoeven, aos comandos de uma KTM da Vectra Racing Team, foi o vencedor da nona etapa do Dakar Argentina-Chile, que ligou La Serena a Copiapó, etapa que também contou com bons bons desempenhos por parte de Hélder Rodrigues e Paulo Gonçalves.
    Frans Verhoeven vence etapa; portugueses em destaque -

    Quer o piloto da Lagos Team, quer o piloto da Repsol Honda, cotaram-se de forma sistemática entre os dez mais rápidos da etapa, com Rodrigues a terminar a tirada na sétima posição, a 10m28s, e Gonçalves em nono, a 15m55s do vencedor da etapa.

    No que diz respeito á luta pela vitória na etapa, a meio da especial a batalha pela vitória parecia circunscrita a 'Chaleco' Lopez, Marc Coma e David Fretigné. No entanto, a parte final da etapa correu bem a Verhoeven, que assim chegou à meta com 03m09s de vantagem sobre Fretigné.

    Lopez foi o terceiro, a cerca de meio minuto do francês, ao passo que Marc Coma chegou em quarto, a 04m59s.

    Com estes resultados, na geral, em relação à luta pela liderança mantém-se tudo na mesma, com Coma a manter mais de uma hora de vantagem para Fretigné.

    Enquanto a classificação ainda é provisória, Hélder Rodrigues volta a subir até ao sexto lugar, e Paulo Gonçalves salta para o 11º posto. Bianchi Prata ainda não cruzou a linha de meta.

    AS

  5. #335
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Carlos Sainz reforça liderança


    Carlos Sainz não desarma. O piloto espanhol da Volkswagen continua a não dar tréguas aos seus adversários e venceu a etapa número nove do Dakar Argentina-Chile, que ligou La Serena a Copiapó.
    Carlos Sainz reforça liderança -

    O espanhol, actual líder da geral, afirma-se cada vez mais como o principal candidato à vitória no rali mais duro do mundo, batendo hoje o seu companheiro de equipa Mark Miller, por 1m47s.

    Apesar da vitória, quinta nesta edição do Dakar, o piloto espanhol era, no final, o espelho do cansaço. "Foi uma especial muito, muito, muito difícil, com inúmeras pedras e difícil do ponto de vista da navegação. Muito complicado", disse Sainz, ainda mais líder na geral.

    Com um ritmo impressionante esteve também o norte-americano Robby Gordon, que levou o seu Hummer H3 até ao terceiro posto da etapa, com 2m16s de atraso.

    O sul-americano Orlando Terranova levou o seu BMW ao quarto lugar da etapa, a já 10m06s de Sainz. Giniel de Villiers foi o quinto, noutro carro da VW, ficando na frente de outro BMW, desta feita, o do russo Novitskiy.

    Quanto ao único Mitsubishi em prova, o de Juan Roma, chegou ao fim em sétimo, a 24m41s do VW de Sainz.

    No que diz respeito aos portugueses, até ao momento ainda nenhum cruzou a meta. No entanto, e à pssagem do km 334, os dois melhores portugueses eram Leal dos Santos e Francisco Inocêncio, que vinham a rubricar excelentes prestações, com o primeiro a ocupar o 19º posto, e o segundo o 20º.

    Na geral, com estes resultados, Carlos Sainz reforçou a sua liderança para o segundo classificado, que é agora Mark Miller.As

  6. #336
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Pedro Biachi Prata em ritmo cauteloso


    O calor abrasador sentido hoje entre La Serena e Copiapó dificultou a etapa número nove do Dakar Argentina-Chile, resultando na diminuição da parte final da especial. Assim, 20km de dunas foram excluídas como precaução pelo perigo que a areia mole podia criar.

    A especial, marcada pela muita navegação, troços fora de pista e muita areia, provou ser um desafio para muitos. Pedro Bianchi Prata voltou a enfrentar a especial ao ataque, o que se traduziu numa fase inicial bastante interessante.

    "Foi uma especial demorada, com muita navegação e um piso variado. Comecei bem mas perto do km 76 fiz um erro no percurso que me fez perder tempo. Passei o resto da especial a compensar", começou por dizer o motard.

    "Consegui ganhar tempo no piso mais duro mas assim que entrei para a pista de areia tirei gás de modo a assegurar a moto. A especial era longa, estava muito calor e quis poupar os pneus. Nas dunas andei bem, mas com cuidado para colocar-me à margem das armadilhas que a areia mole podia pregar", acrescentou Bianchi Prata.

    Amanhã, a especial de 666km, a mais longa deste Dakar, vai desafiar todos com um troço de 100km de dunas perto do final. O calor extremo da zona vai complicar o percurso no deserto do Atacama com partida e fim em Copiapo. AS

  7. #337
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Leal dos Santos consegue lugar no top 20


    A etapa de hoje voltou a mostrar um Ricardo Leal dos Santos no seu melhor.
    Leal dos Santos consegue lugar no top 20 -

    Leal dos Santos e Pedro Pires de Lima, em BMW X5, confirmaram hoje, numa etapa plena de dificuldades, que são uma das melhores equipas privadas deste Rali Dakar Argentina Chile.

    Os quatrocentos quilómetros de sector selectivo, disputados entre La Serena e Copiaco, foram ultrapassados em 7h36m12s o que permitiu ao piloto do Pioneer Desert Team Delta Q terminar a etapa na 20ª posição, ficando inclusive, à frente do piloto oficial da VW, Dieter Depping. O BMW X5 da dupla portuguesa foi ainda o melhor de entre as formações lusas.

    "Ainda não foi desta que fizemos uma etapa limpa mas como já estamos no grupo da frente o tempo perdido é muito menor. Furámos logo de início e depois perdemo-nos. Nas ultrapassagens fomos um bocado trancados pelo Chabot", explica Ricardo Leal dos Santos.

    "Depois do CP1 imprimimos um bom andamento e recuperámos algumas posições. Já na parte final, nas dunas, voltamos a ter um problema, quando o nosso BMW com falta de pressão de óleo parou e ficámos atascados. Só aí perdemos mais 10 a 15 minutos. Contava ter terminado nos 15 primeiros, mas fica para a próxima", acrescentou Leal dos Santos, satisfeito pela prestação de hoje.AS

  8. #338
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Hélder Rodrigues: "A minha aposta deu dividendos"


    Hélder Rodrigues voltou a brilhar hoje na nona especial do Dakar Argentina-Chile, ao efectuar o sétimo tempo. Mas, mais importante do que esse facto, foi o ter conseguido recuperar o sexto lugar na geral.
    Hélder Rodrigues: "A minha aposta deu dividendos" -

    Com esta chegada em sétimo, naquela que foi a sua quinta chegada dentro do Top 10, o piloto da Lagos Team/TMN demontrou um bom nível de andamento, bem como uma boa capacidade de navegação.

    Depois de ter andado mais cauteloso na véspera, o piloto português mostrou-se bastante à vontade, ao longo dos 430 quilómetros do troço cronometrado, rodando em constante progressão.

    12º na partida e 10º aos quilómetros 57 e 95, Hélder Rodrigues imprimiu um bom andamento rodando em sexto lugar durante grande parte da especial, para terminar em sétimo. Em luta aguerrida pela vitória da etapa, David Frétigné e Francisco Lopez acabariam por ser surpreendidos, na parte final, pelo holandês Frans Verhoeven, grande vencedor do dia.

    "Foi uma etapa bastante dura, principalmente na parte final onde houve muita navegação e muita gente a perder-se. Hesitei duas vezes e a partir dessa altura apostei num ritmo mais calmo concentrando-me no road-book e no GPS, em detrimento da velocidade", começou por frisar.

    "A minha aposta pagou dividendos e estou contente por ter reconquistado o sexto lugar", referiu Hélder Rodrigues.

    O piloto de Sintra recuperou assim dois lugares na classificação geral, com a desistência do norte-americano Jonah Street, devido a mazelas físicas e com a má prestação de Per-Anders Ullevaleseter, que terminou no 24º lugar. Hélder Rodrigues está a 29 segundos do quinto lugar, ocupado por Viladoms.AS

  9. #339
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Etapa positiva para os portugueses


    A nona etapa do Dakar Argentina-Chile revelou-se muito positiva para os pilotos portugueses nos Autos.
    Etapa positiva para os portugueses -

    Poucas vezes mencionado, Filipe Palmeiro coadjuvou Rene Kuipers até ao 11º lugar da etapa, já a 1h03m40s de Sainz, que venceu a sua quinta etapa nesta edição. Na geral, a dupla do BMW ocupa o nono posto, a 6h37m23s.

    No que diz respeito aos pilotos lusos, Leal dos Santos foi o melhor, chegando em 21º na etapa, mesmo à frente de Dieter Depping, piloto oficial da Volkswagen, subindo mais algumas posições na geral. É agora o 71º, um posto à frente de Martine Pereira, que na etapa chegou em 69º.

    Francisco Inocêncio terminou a etapa em 23º, demonstrando também ele um excelente desempenho, ocupando agora o 50º lugar na geral. O melhor português é, no entanto, Adélio Machado, que na tirada foi apenas 56º, mas na geral é o 35º melhor.

  10. #340
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Carlos Sainz: "Meu objetivo é a vitória final"


    Finalmente, parece que é mesmo desta que Carlos Sainz alcançará a tão desejada vitória no Dakar. Na senda de pilotos como Juha Kankkunen, Ari Vatanen ou mesmo Bruno Saby, o piloto espanhol prepara-se - se o Dakar não nos oferecer um "daquelas" surpresas - para se tornar o primeiro espanhol a vencer nos automóveis.

    Nesta prova, e depois de cinco vitórias em especiais, Sainz lidera agora com uma confortável vantagem de 20 minutos sobr Mark Miller, e como disse e muito bem Carlos Sousa, na análise que fez no jornal AutoSport: "A decisão está tomada, Será o Sainz a ganhar."

    Aos 43 anos, Carlos Sainz, que se estreou no Dakar em 2006, depressa começou a vencer etapas, mas a vitória final é bem mais complicada. No seu primeiro Dakar, terminou em 11º a 10 horas de Luc Alphand. Em 2007, depois de vencer mais cinco especiais, a sua esperança de vencer ficou enterrada nas areias do deserto da Mauritânia, depois de perder oito horas em dois dias. Depois do interregno de 2008, parece ter chegado a sua hora. Domingo saberemos.

  11. #341
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Etapa mais difícil do Dakar realiza-se hoje


    A décima etapa do Argentina-Chile dakar 2009, que tem partida e chegada a Copiapo é uma das mais temíveis para os concorrentes. Retemperadas as forças no histórico porto chileno de Valparaíso, mesmo junto ao Oceano Pacífico, os competidores têm já toda a atenção focada na última e decisiva semana do rali, marcada pelo deserto de Atacama.

    Com cerca de 200 quilómetros de extensão, é considerado o deserto mais alto, árido e inóspito do Planeta, anunciando-se tão ou mais difícil de transpor que o africano Saara. As suas dunas são autênticas paredes, sendo tão difícil subi-las como... descê-las.

    Nos reconhecimentos, a Organização demorou mais de quatro horas para percorrer 40 km! O dia de todas as decisões está agendado precisaamente para hoje (terça-feira), com a "boucle" de Copiapó a servir de palco à maior e mais difícil especial de todo o rali, seguindo-se, amanhã, a descida para Fiambalá, um óasis no meio de uma região desértica, rodeada por montanhas de areia e dunas, na mais majestosa das etapas em termos de paisagens.

    Depois, é o regresso aos Andes e à Argentina. Após uma paragem em Cordoba, segunda maior cidade da Argentina, tudo terminará tal como começou, na capital Buenos Aires, com a coroação dos vencedores de cada categoria a acontecer no domingo, dia 18 de Janeiro, numa cerimónia que se espera tão ou mais espectacular que a da partida simbólica, presenciada por quase 500 mil espectadores.AS

  12. #342
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão A 4.7000m de altitude


    A ligação entre Copiapó e Fiambalá, já no regresso à Argentina, será literalmente o ponto alto deste Dakar 2009, já que os concorrentes terão de vencer o Passo São Francisco, a 4.720 metros de altitude. Segundo calculam os engenheiros, os motores vão perder cerca de 20 por cento da sua potência devido à diferença de pressão atmosférica e ao ar rarefeito da alta montanha. Mas não serão apenas as mecânicas a ressentir-se.

    Os pilotos vão igualmente sentir os efeitos da altitude, podendo experimentar dificuldades de respiração, fadiga, náuseas, perda de coordenação, lentidão de raciocínio e dores muculares. Os motards serão teoricamente aqueles que mais sofrerão com os efeitos da altitude, pelo que foram já aconselhados pela organização a evitarem qualquer paragem e esforço físico desnecessário ou brusco.

  13. #343
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Proto 05 também ardeu


    A par de Elisabete Jacinto (MAN) e Yvan Muller (Buggy SMG), também Christian Lavieille se despediu deste Dakar na quinta etapa, a cerca de meia dúzia de quilómetros da meta, depois de um incêndio consumir o seu Proto Dessoude 05. "Após passar um cordão de dunas, senti um odor a fumo no habitáculo e reparei que havia espectadores a fazerem-me sinal para parar. Foi o que fiz logo de seguida. Infelizmente, bastaram 30 segundos para que o carro fosse consumido pelas chamas", lamentou o piloto francês, à altura 11º classificado da geral. "A que se se deveu o incêndio? É algo que nem eu nem a equipa conseguimos ainda a responder".

    AS

  14. #344
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão "O carro parece um Fórmula 1 do Dakar"


    Surpreendidos por um degrau de dois metros na descida de uma duna, Guilherme Spinelli e Marcelo Vívolo despediram-se deste Dakar ao km 38 da especial que ligou San Rafael a Mendonza, na última quinta-feira.

    Evoluindo pela primeira vez o Pajero Evolution MPR13, ex-equipa oficial, a dupla brasileira ocupava, até então, um excelente décimo lugar da geral automóvel. "O carro tombou de frente e batemos com a cabeça no tecto do Pajero", contou o piloto, já por duas vezes vencedor do Rali dos Sertões. Queixando-se de fortes dores no pescoço, Vívolo foi mesmo resgatado do local por um helicóptero da organização. Os exames não revelaram qualquer lesão e o navegador recebeu alta no próprio dia.

    Piloto elogia Mitsubishi MPR13

    A pesar do infortúnio, o piloto brasileiro "diz" maravilhas do carro, apelidando-o mesmo como um "F1 do Dakar": "O carro é absolutamente fantástico. Corro no TT desde 1999 e já pilotei muitos carros da Mitsubishi, mas esse é um veículo muito rápido e resistente. É incrível o que fizemos com ele! E nada acontecia a ele, nem sequer desalinhava a direcção. Superou as minhas expectativas.", referiu. AS

  15. #345
    Avatar de G@ngster
    Registo
    Nov 2007
    Idade
    50
    Posts
    45.578

    Padrão Nova etapa encurtada


    Era suposto ser a etapa mais difícil da corrida, mas a verdade é que, mais uma vez, a organização decidiu encurtar uma etapa. Tendo em conta as condições da pista com que se depararam os "batedores" da organização esta manhã, a ASO decidiu encurtar a etapa Copiapo-Copiapo em 200 km. Assim sendo a tirada termina um pouco antes do CP3, com a ligação a fazer-se directamente para CP5, evitando assim uma parte mais complicada do traçado. Assim sendo, a especial terá apenas 476 km.

    AS

Página 23 de 44 Primeiro ... 1322 23 2433 ... Último

Tópicos Similares

  1. Passeio todo terreno
    Por cprcosta no fórum Convívios
    Respostas: 1
    Último Post: 22-12-2013, 21:55
  2. Road Books de Todo-Terreno
    Por satteam no fórum Automoveis Todo-o-Terreno
    Respostas: 7
    Último Post: 22-12-2009, 02:05
  3. Manuais de Viaturas Todo-o-Terreno
    Por F.B.I. no fórum Automoveis Todo-o-Terreno
    Respostas: 0
    Último Post: 03-01-2009, 23:03
  4. Todo o terreno
    Por Opium® no fórum Videos
    Respostas: 1
    Último Post: 26-04-2008, 23:33
  5. Todo-o-terreno no Piódão
    Por satteam no fórum Vídeos, Fotos e Eventos
    Respostas: 0
    Último Post: 28-03-2008, 00:52

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •  

Conectar

Conectar