O momento para a mudança no Egito é "agora", afirmou esta quita.feira a chefe da diplomacia da União Europeia (UE), Catherine Ashton, após o discurso do presidente egípcio, Hosni Mubarak.

"O presidente Mubarak ainda não abriu a via para reformas mais rápidas e mais profundas", deplorou, por outro lado, a Alta Representante da UE para os Negócios Estrangeiros, depois de Mubarak ter recusado apresentar a demissão.

"Vamos dar uma atenção particular à resposta do povo egípcio nas próximas horas e nos próximos dias", acrescentou Ashton, em comunicado.

"Vou permanecer em contacto com as autoridades egípcias para falar da necessidade de uma transição democrática ordenada, sensata e durável", disse. "O momento da mudança é agora", declarou.

Jornal de Notícias