A imprensa espanhola revelou, esta sexta-feira, que um elemento da escolta do treinador do Real Madrid, José Mourinho, foi ferido com uma arma branca no aeroporto de Alvedro, na Corunha.

De acordo com a Cadena Ser, o agente quando tentava evitar que os adeptos presentes no aeroporto chegassem perto de José Mourinho acabou por ser apunhalado. Os responsáveis do Real Madrid acreditam que o visado era o treinador português.

Mourinho apenas foi informado desta situação esta sexta-feira e ficou preocupado com a sua integridade física.

Todo o incidente, que aconteceu na semana passada, foi gravado pelas câmaras do aeroporto e o autor da agressão, que causou uma ferida de quatro centímetros no segurança, foi identificado.

O Real Madrid decidiu esconder temporariamente o que aconteceu. O treinador português também não sabia do que tinha acontecido, numa decisão para não aumentar a pressão. Hoje, decidiram revelar o incidente e reforçar a segurança em todas as deslocações dos «merengues».
"bola"