Apesar do desaire frente ao FC Porto, o Vitória de Setúbal tem tudo para continuar na Liga, afirmou o treinador–adjunto dos vitorianos, Conhé, no final da partida.

«Vamos acreditar que podemos empatar ou vencer o Sporting em Alvalade [reportando-se ao jogo da próxima jornada]. Estamos atentos e temos condições para ficar na Liga sem depender dos outros. Penso que o Portimonense, quando vier cá, já terá descido de divisão. Com muita pena minha, que gosto do Portimonense», afirmou Conhé aos microfones da Sport Tv.

Para o adjunto de Bruno Ribeiro, o golo sofrido no início acabou com as aspirações dos vitorianos na partida.

«Surgiu o golo na própria baliza muito cedo, infelizmente. Depois, ainda na primeira parte, devia haver penalty e a expulsão do jogador do Porto, aí faríamos o 1-1 e se calhar o resultado não seria tão desfavorável para nós. Os jogadores do Vitória tiveram uma bonita atitude na segunda parte, mas o FC Porto, com a qualidade que tem, não nos deixou. Conseguimos a grande penalidade, que o Beto defendeu bem, e depois surge o 0-4, que não traduz a realidade do jogo», explicou Conhé.

A Bola