O vigilante de serviço na estação de Metro da Trindade, no Porto, foi atacado na madrugada passada, por ter recusado um cigarro a um frequentador habitual daquela estação. Na sequência da rixa que se seguiu, o agressor empunhou uma faca, mas a pronta chegada da polícia pôs fim à ocorrência. Como consequência do confronto físico e de acordo com testemunhos recolhidos pelo correio da manhã, o vigilante para além de ter ficado com a farda destruida (atingida pela faca), sofreu ferimentos ligeiros, tendo sido assistido no Hospital de Santo António. O agressor frequenta habitualmente aquela estação do Metro, por onde vai pedindo cigarros a quem passa. A estação da Trindade é uma das mais movimentadas da rede de Metro do Porto.

Correio da Manhã, Segunda-feira, 20 Junho 2011 10:17