Começa hoje a ser vendido em Portugal aquele que ficou conhecido como o "telefone Facebook". O smartphone Android da HTC encontra-se "adaptado" aos utilizadores intensivos da maior rede social do mundo, contando com um botão especial de hardware que desencadeia a interacção com o serviço a qualquer momento.

A tecla especialmente dedicada ao Facebook permite partilhar música, fazer upload de fotografias, actualizar localização e perfil de um modo fácil e intuitivo, como nenhum dispositivo móvel permitia até agora", segundo a fabricante.

Esta tecla tem também a particularidade de iluminar-se de modo intermitente sempre que exista alguma actualização ou quando o utilizador estiver perante um conteúdo susceptível de ser partilhado na rede social.

Sempre que for recebida uma chamada de alguém que faça parte da rede de contactos no Facebook, é apresentado o estado e fotografias mais recentemente publicadas por este, recebendo ainda um alerta caso se aproxime a sua data de aniversário.



O primeiro modelo - dos dois telemóveis Facebook concebidos pela fabricante e apresentados em Fevereiro no Mobile World Congress - a chegar ao mercado nacional é o HTC ChaChaCha, que conta tanto com ecrã táctil como teclado físico QWERTY.

Começa por ser comercializado livre de operador, ao preço de 349 euros, devendo "em poucos dias estar disponível também nos operadores móveis", avançou a HTC.

O telefone vem com a última versão do Android (2.3 ou Gingerbread), personalizada pela fabricante ao nível do interface e integração com o Facebook, com aquilo a que chama HTC Sense.

O processador incluído é de 800MHz e a memória RAM de 512 MB. O ecrã táctil mede 2,6 polegadas e apresenta uma resolução de 480x320.

O equipamento conta com duas câmaras integradas, uma frontal (VGA) e outra na retaguarda, com uma resolução de 5 megapixéis, auto-focus e flash LED.





In:tek.sapo.pt