O plano dos CTT é nacional, impõe um corte de 15% na despesa e abarca o fecho de dezenas de lojas. Só na região Porto e Centro fecharam ontem 13 agências. Enquanto dezenas de reformados protestam na rua, recurso aos tribunais é agora uma hipótese.

In:JN