A PJ deteve dois homens e apreendeu cerca de 8400 doses de haxixe proveniente de Marrocos e transportado no corpo dos detidos, estando ambos já em prisão preventiva.

Em comunicado divulgado, esta quinta-feira, a PJ indica que os detidos, de 25 e 40 anos e residentes em Lisboa, transportaram as 1400 gramas de droga no organismo, sob a forma de bolotas, desde Marrocos até Lisboa, sendo este "um meio utilizado frequentemente pelas organizações criminosas que se dedicam a este tipo de tráfico, como forma de dificultar a sua detecção pelas autoridades".

A operação foi desenvolvida pela Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes (UNCTE) e insere-se numa estratégia de combate a um tipo de tráfico que tem crescido nos últimos tempos, apesar de envolver um alto risco para a saúde e integridade física dos envolvidos.

No terreno, a PJ teve a colaboração do Centro de Cooperação Policial e Aduaneira de Castro Marim-Ayamonte.

Fonte: Jornal de Notícias