A PSP deteve esta segunda-feira uma mulher suspeita de assaltar o cineasta José Fonseca e Costa, em Lisboa.

A mulher de 41 terá atacado o cineasta na madrugada de domingo, no Bairro Alto, levando a que este tivesse de receber assistência hospitalar.

José Fonseca e Costa foi atacado na Rua João Pereira da Rosa, a poucos metros da sua casa, por um homem e uma mulher. Enquanto o homem o ameaçou com uma faca e agrediu, a mulher roubou a mala da acompanhante do cineasta.

A suspeita foi intercetada pelas autoridades instantes depois, numa rua próxima à de onde o ataque foi consumado. Segundo o Público, a polícia ouviu gritos de socorro e deslocou-se ao local. Numa rua próxima, encontrou a suspeita a tentar esconder-se, enquanto tirava objetos de uma mala e os guardava nos bolsos. Este comportamento suspeito levou a polícia a abordá-la. A mulher alegou ter encontrado a mala no chão, e já na esquadra foi identificada como suspeita do roubo.

A mulher foi esta segunda-feira presente ao Tribunal de Instrução Criminal para conhecer a respetiva medida de coação.