Kesho, um silverback de 13 anos, e Alf, um gorila quatro anos mais novo e de dimensão bastante mais reduzida, são dois irmãos que nasceram no Jardim Zoológico de Dublin e foram separados quando o mais velho foi enviado para Londres. Três anos após a separação, o reencontro dos dois irmãos parece ter sido mais emotivo do que muitos reencontros entre humanos.Protagonizando uma cena memorável para o parque de Longleat Safari, em Wiltshire, no sul de Inglaterra, os dois primatas abraçaram-se, apertaram 'mãos' e bateram nas costas um do outro quando se viram pela primeira vez ao fim de três anos.
De acordo com Mark Tye, responsável pelos gorilas de Longleat, não era certo que os dois irmãos se fossem reconhecer mas, assim que Alf apareceu, «podia ver-se o reconhecimento nos seus olhos».
«Estavam os dois muito agitados, mas não de forma agressiva», descreveu Mark Tye ao Daily Mail.
«É invulgar ver esse tipo de comportamento infantil num silverback».
Kesho nasceu um normal gorila de costas pretas declarado infértil, mas depois de ter ido para Londres ao abrigo de um programa de reprodução, onde esteve sujeito ao aumento dos níveis de testosterona, tornou-se o líder do grupo: um silverback (costas prateadas), visivelmente maior e mais pesado.

Fonte: SOL