Com os trabalhadores a cumprirem um período de greve até ás 10:00 horas da manhã, todas as estações do Metropolitano de Lisboa mantêm-se encerradas, não existindo qualquer composição a circular.

A confirmação foi feita à rádio TSF por fonte da empresa, isto num dia em que também os condutores da Rodoviária de Lisboa cumprem uma paralisação, juntando-se igualmente aos maquinistas da CP, que esta quinta-feira somam o quarto dia consecutivo de protesto, parando nas duas primeiras horas de cada turno.



lusa