Um homem de 52 anos foi detido na semana passada pelos agentes da 3ª Esquadra de Investigação Criminal da PSP enquanto extorquia outro homem, ameaçado com uma navalha em plena estação de comboios de Benfica, em Lisboa. A vítima era o escultor e arquitecto Jorge Melício, escolhido pela Administração do Metropolitano de Lisboa para a decoração de uma das suas estações.



O escultor ainda deu cerca de 500 euros ao agressor, mas quando viu que as ameaças não paravam pediu ajuda à PSP. As ameaças partiram de um vizinho, cuja mulher estava grávida e, uma vez que o ateliê do escultor estava em obras, o cheiro das tintas provocaria enjoos à mulher. Exigia dinheiro por isso. O vizinho foi presente a tribunal, mas solto, sujeito a apresentações periódicas à PSP. Melício foi considerado um dos melhores escultores do hiper-realismo mundial.

cm