Um ciclista, de 50 anos, morreu ontem após ter caído ao rio Douro, na marginal de Vila Nova de Gaia. José Oliveira passeava de bicicleta quando, por razões ainda por apurar, perdeu o equilíbrio e caiu à água. A vítima bateu com a cabeça nas pedras e sofreu ferimentos muito graves, tendo falecido já no hospital. Poucos minutos depois, na praça do Cubo, no Porto, um menor, de 17 anos, natural da Rússia, que circulava de cadeira de rodas, caiu também ao rio. Está internado em estado grave.



O acidente mortal ocorreu por volta das 13h00. José tinha por hábito passear na marginal, pelo que conhecia bem o local. A violenta queda ocorreu numa zona repleta de pedras, tendo a vítima batido várias vezes com a cabeça. De imediato, vários populares, que se aperceberam do acidente, tentaram auxiliar o ciclista, que apenas foi retirado do local já com a ajuda de vários elementos dos Bombeiros de Coimbrões, da Polícia Marítima do Douro e também do INEM.

José Oliveira ainda foi transportado para o Hospital Eduardo Santos Silva, em Gaia, onde faleceu horas depois, devido aos graves ferimentos que sofreu durante a queda.

cm