Uma adolescente de 15 anos foi chicoteada, esta segunda-feira, 60 vezes em Tombuctu por militantes de um movimento islamita, que a condenaram por falar com homens na rua, noticia a agência AP



A rapariga teria sido alegadamente vista com homens na rua pelos islamitas do movimento Ansar Dine, que agora mandam nesta cidade no norte do Mali.

"Os islamitas disseram que a rapariga tinha sido avisada cinco vezes pela polícia islamita, mas que continuou a falar com homens na rua.

Depois da audiência, os islamitas deram 60 vergastadas à rapariga. "A população não apareceu em grande número para ver o castigo", afirmou um residente de Tombuctu, contactado por telefone a partir da capital, Bamako.

O castigo público ocorreu cerca das 11h00 (12h00 de Lisboa), em frente às novas instalações da polícia islâmica, na baixa da capital, próximo da Praça da Independência.

cm