O medo impera entre os moradores de Matosinhos. Todos os dias se registam furtos na cidade, quer seja em lojas, empresas, casas, carros e até na rua. A PSP tem vindo a aumentar o patrulhamento nas ruas, o que levou a uma diminuição de ocorrências, mas, mesmo assim, só no primeiro semestre deste ano registaram-se 171 furtos: 40 de carros, 42 em lojas, 29 em casas, 48 no interior de viaturas e 12 de outros tipos.



"Tenho medo dos ladrões, tem havido muitos furtos e roubos na cidade. Há alguns meses assaltaram uma loja e eu assisti a tudo, em pânico. Felizmente, até agora nunca me aconteceu nada", disse ao CM Isabel Pinho, proprietária de um quiosque no centro de Matosinhos.

A violência doméstica é outro crime que preocupa cada vez mais a população e as autoridades. Este ano já se registaram 49 casos no centro da cidade e, apesar das várias acções de sensibilização da polícia, o número de casos de maus tratos continua a dominar o topo da tabela de crimes em Matosinhos.

A PSP tem também registado um aumento de crimes de condução sob efeito do álcool e sem carta.

cm