Quando a funcionária da Boutique dos Relógios, no Algarve Shopping, na Guia, Albufeira, se preparava para fechar as portas, da loja foi surpreendida e sequestrada por quatro assaltantes no interior do estabelecimento.



O ataque aconteceu, anteontem à noite, por volta das 22h45, depois de a funcionária ter ido despejar o lixo. Os elementos do gang, ao que o CM apurou, agiram com capuzes na cabeça e estavam munidos de um martelo e bastões, que usaram para partir os vários expositores de relógios valiosos existentes no espaço comercial, localizado no rés-do-chão e de acesso fácil para a fuga. O primeiro alerta para o 112, ao que o CM sabe, dava conta de um assalto com reféns, no interior de uma ourivesaria; mas quando a GNR de Albufeira chegou ao local, já o gang tinha desaparecido, com dezenas de peças, avaliadas em milhares de euros.

O grupo usou um BMW de cor escura para a fuga, e as autoridades montaram logo uma operação de captura, nos acessos ao centro comercial, mas sem sucesso.

Em declarações ao CM momentos depois do crime, a directora do Algarve Shopping, Carla Martins, confirmou que ocorreu "um assalto a uma loja de relógios". Assegurou ainda que "ninguém ficou ferido", e que as imagens de videovigilância do espaço comercial registaram o assalto e poderão ajudar as autoridades nas investigações.

O caso foi entregue ao Núcleo de Investigação Criminal da GNR de Albufeira, que durante a madrugada de ontem recolheu vestígios no local, com o auxílio do Núcleo de Apoio Técnico.

cm