Um professor de Educação Física deu um estalo a um aluno de 11 anos, anteontem de manhã, na Escola EB 2, 3 de Rio Tinto nº1, Gondomar. O incidente ocorreu durante uma aula, após o menor ter atingido uma colega na cara. Os pais da criança, que já apresentaram queixa na PSP, alegam que o filho disse ao professor que magoou a colega acidentalmente, mas que, mesmo assim, o docente terá decidido castigar o menor. A direcção da Escola já abriu um inquérito para apurar o que terá acontecido.



"O meu filho chegou a casa ainda com a mão marcada na cara. Ele disse-me que bateu na boca da colega sem querer, ao jogar voleibol, e que o professor lhe deu o estalo de seguida. Mas tinha sido um acidente entre crianças", contou ao CM Raul Rojo, pai do aluno.

Logo no dia do incidente, o pai do menor esteve na escola, onde pediu explicações à directora de turma e à vice-presidente do conselho directivo.

"Disseram-me que um esta-lo faz parte da educação da escola. Se o meu filho tivesse errado eu entendia, mas ele não fez nada", acrescentou Raul Rojo.

O CM contactou a Direcção da Escola, mas não foi possível obter qualquer tipo de esclare-cimentos até ao fecho desta edição.

cm