Um homem de 72 anos foi preso, anteontem à noite, no Pinhal Novo, Palmela, depois de confessar que queria matar um indivíduo que julgava ser o amante da sua namorada.



O detido foi surpreendido pela enteada pelas 23h10 de quarta-feira, quando já se encontrava no quintal de casa da namorada. A jovem chamou a GNR, que compareceu no local em pouco tempo. O homem foi encontrado na posse de um saco contendo um machado e uma garrafa com gasolina, e confessou à patrulha da GNR que queria usar os objectos para matar um homem que estava, naquele momento, dentro da casa da namorada, e sobre quem tinha suspeitas de ser o amante da sua companheira. Foi detido.

cm