A Polícia Judiciária, através da Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes, deteve num hotel de Lisboa um modelo, de nacionalidade estrangeira, que servia de correio de droga.



O detido, de 24 anos, tinha no interior do organismo 1,2 kg de cocaína de elevada pureza, droga que daria para mais de seis mil doses e que acabou por ser expelida após ter estado dois dias internado num hospital da cidade.

O modelo, que trouxe a droga de São Paulo, foi presente a um juiz de instrução criminal, tendo ficado em prisão preventiva.

Além da droga, a Polícia Ju-diciária conseguiu ainda apreender ao modelo dinheiro, documentos e também telemóveis.

cm