O cemitério de Tornada, Caldas da Rainha, foi assaltado e vandalizado, na noite de anteontem. Os ladrões danificaram as pedras em mármore das campas para furtarem peças - jarras e vasos - em alumínio e bronze .



O presidente da junta de freguesia, Henrique Tereso, disse ontem que foram danificadas entre 20 e 30 campas. "Aproveitaram uma noite em que esteve sempre a chover e trabalharam à vontade", refere. Pelos vestígios deixados no local, os ladrões terão estacionado um carro numa zona sem iluminação e "atiraram os objectos por cima do muro".

Henrique Tereso está revoltado com a situação e teme que os assaltantes "regressem". Anteriormente já tinham furtado as imagens dos santos e há um ano levaram o sino da casa mortuária. O caso foi participado à GNR, que está a investigar.

cm