A GNR intensifica a partir das 12:00 de hoje o patrulhamento rodoviário nas estradas mais críticas com o objetivo de combater a sinistralidade rodoviária e garantir a fluidez do tráfego no âmbito da operação "Todos os santos".

Segundo a GNR, um total de 6.107 militares da Unidade Nacional de Trânsito e dos Comandos Territoriais vão estar empenhados em combater a sinistralidade rodoviária e em garantir a fluidez de tráfego, num período em que se prevê um número elevado de deslocações.

A operação tem ainda como finalidade intensificar o patrulhamento rodoviário nas vias mais críticas em termos de trânsito automóvel, entre as 12:00 de hoje e as 13:00 de sexta-feira e, numa segunda fase, entre as 12:00 e as 22:00 de domingo, adianta uma nota do comando-geral da GNR.

De acordo com a Guarda Nacional Republicana, os 6.107 militares vão realizar uma média de 714 ações de diárias numa "vertente essencialmente preventiva e de apoio a todos os utentes das vias".

A operação "Todos os santos" vai dar "especial atenção aos comportamentos dos condutores que ponham em causa a sua segurança e a de terceiros, à condução sob a influência de álcool e de substâncias psicotrópicas, ao cumprimento das regras de trânsito, ao controlo de velocidade, à não utilização do cinto de segurança e sistemas de retenção e à utilização indevida de telemóveis".



lusa