Nova Iorque
Ama mata duas crianças


A polícia de Nova Iorque acusou sábado uma ama da morte por esfaqueamento de duas crianças que ocorreu a 25 de Outubro.

Depois de alguns dias sobre a morte das crianças, a polícia conseguiu finalmente falar com Yoselyn Ortega, a ama de 50 anos, quando esta ainda continua a recuperar de ferimentos auto-infligidos com recurso a uma arma branca.

Ainda na cama do hospital, onde se encontra sob vigilância policial, a ama foi confrontada com as acusações de homicídio feitas pela polícia.

Os agentes acusam Yoselyn Ortega de ter esfaqueado Lúcia Krim, de seis anos, e o seu irmão Leo de apenas um ano na casa da família onde trabalhava em Nova Iorque, antes de infligir a si própria alguns golpes.

Um terceiro irmão escapou da morte porque na altura estava com a mãe fora de casa. A mãe das crianças deparou-se com os dois filhos mortos e a em pregada a sangrar quando regressou a casa.

C.da Manha