Um dos nomes famosos do humor britânico de antigamente morreu, esta terça-feira, em Portugal, país onde já residia há vários anos: Clive Dunn tinha 92 anos e foi vítima de doença prolongada, refere o 'Daily Mail'.



Famoso pela sua participação em várias séries da BBC, deu cartas no Reino Unido no papel de Corporal Jones na série ‘Dad’s Army’.

Com uma carreira iniciada há 80 anos, Clive Dunn ficou famoso por interpretar papéis de velho mesmo quando ainda era novo.

Dunn deu ainda nas vistas no campo da música, tendo interpretado o tema ‘Grandad’, que chegou ao ‘Top of the Pops’. Em 1986 escreveu a sua autobiografia que tinha, por título, uma das frases que ficaram célebres na série ‘Dad’s Army’: ‘Permission to Speak’.

Estrela em várias séries televisivas, Clive Dunn participou, por exemplo, em ‘Os Vingadores’ (1967) e em diversos telefilmes, como ‘A Ilha do Tesouro’ (1957) ou ‘Muito Barulho por Nada’ (1984).

Estava retirado desde aí da representação e vivia em Portugal com a mulher Priscilla e dois filhos.

cm