Oito alunos da residência para estudantes de Mogadouro tiveram de receber tratamento hospitalar na sequência da acumulação de gás no interior das instalações, disse à Lusa o vice-presidente da Câmara local..

"A fuga aconteceu quando se procedeu a troca de uma botija que alimenta o fogão da residência. Um dos bicos do aparelho terá ligado, o que provocou a intoxicação em oito alunos", disse hoje o vice-presidente da Câmara de Mogadouro, João Henriques.

Segundo o autarca, não há ferimentos graves e os alunos, após a assistência médica, regressaram às suas casas.

No local, estiveram técnicos de segurança e higiene no trabalho e os bombeiros de Mogadouro

Diário Digital com Lusa